Analistas preveem alta meteórica para o Bitcoin, veja alvos

Independente dos alvos destes analistas, o momento parece de acumulação. Afinal, o retorno potencial parece bem maior que os riscos de compra, especialmente pela falência da FTX já ser uma página virada por muitos investidores.

Com valorização de 25% em 2023, o Bitcoin rapidamente passou de pior investimento do ano passado para uma grande oportunidade. No entanto, analistas renomados acreditam que mais altas aguardam investidores.

Para Peter Brandt, por exemplo, o Bitcoin deve encontrar sua próxima grande resistência apenas nos US$ 65.000. Contudo, destaca que essa subida não será linear, enfrentando correções em seu caminho.

Em relação ao passado, outros lembram que o Bitcoin foi o melhor investimento em 9 dos últimos 12 anos. Ou seja, é possível que a história se repita.

Bitcoin foi o melhor investimento em 9 dos últimos 12 anos. Fonte: Charlie Biello/Reprodução.

Outro ponto que chama atenção na imagem acima é que 2022 foi um ano difícil para todos. No entanto, o Bitcoin acabou sofrendo mais por conta da quebra da LUNA e, posteriormente, da FTX.

Mesmo fechando o ano com queda de 65,5%, o bitcoin completou seus 14 anos com uma alta de 2.178.035.658%.

Michaël van de Poppe vê momento como oportuno

Com quase 650.000 seguidores em seu Twitter, o analista Michaël van de Poppe acredita que a “maioria [das pessoas] espera novas mínimas e um mercado de baixa”, mas nota que isso “gera uma grande oportunidade”.

Nesta semana, cerca de US$ 725 milhões de shorts foram liquidados. No entanto, van de Poppe nota que a briga entre touros e ursos está longe de seu fim.

“A tendência dos próximos meses continua de alta e as altcoins estão reunindo mais volume para serem negociadas”, escreve o analista. “Dessa forma, mais uma varredura para eliminar os ‘shorts’ e logo é hora dos ‘longs’ terem algum castigo.”

Análise de Michaël van de Poppe para o Bitcoin no curto prazo.

Em outras palavras, o analista acredita que o Bitcoin encontrará resistência em sua escalada, mas nada que possa ser preocupante.

“Teste de US$ 21.000 acontecendo enquanto falamos de Bitcoin. Um avanço parece lógico para obter uma varredura de alta.”

Peter Brandt também aponta para correções no meio do caminho

Conhecido por livros sobre operações no mercado financeiro, o analista Peter Brandt também acredita que esta é uma ótima oportunidade de entrada no Bitcoin. Contudo, também destaca que a subida terá seus desafios.

Na primeira análise, de curto prazo, Brandt afirma que o Bitcoin enfrentará uma forte resistência ainda na região dos US$ 25.000, fazendo a criptomoeda voltar para a região dos US$ 18.000.

No entanto, aponta que o bitcoin pode ultrapassar os US$ 30.000 ainda em julho deste ano.

Análise de Peter Brandt para o Bitcoin no curto prazo.

Já em sua segunda análise, agora de longo prazo, o analista joga o Bitcoin acima dos 150.000 dólares. Para Brandt, o maior desafio está na região dos US$ 65.000, próximo aos dois topos do Bitcoin de 2021.

Análise de Peter Brandt para o Bitcoin no longo prazo.

Quanto a data, este novo pico estaria marcado para 2025. No entanto, é possível ver que Brandt imagina que o Bitcoin alcance os US$ 65.000 ainda neste ano.

Por fim, independente dos alvos destes analistas, o momento parece de acumulação. Afinal, o retorno potencial parece bem maior que os riscos de compra, especialmente pela falência da FTX já ser uma página virada por muitos investidores.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de criptomoedas do mercado ganhe até 100 USDT em cashback. Cadastre-se

Siga o Livecoins no Google News.

Curta no Facebook, TwitterInstagram.

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias

Últimas notícias