Atlas Quantum vence na justiça e não terá que indenizar cliente que teve dados vazados

Vítima aponta vazamentos de dados da empresa como causa para roubo de criptomoedas em carteira digital. A justiça entendeu que a empresa não possui qualquer culpa em relação ao roubo de criptomoedas que aconteceu.

Siga no

O vazamento de dados da empresa Atlas Quantum foi acusado de ser o responsável pelo sumiço das criptomoedas de um usuário. De acordo com o processo movido recentemente, informações vazadas em 2018 seriam responsáveis pela perda de R$ 6.822,41 em criptomoedas. Porém, a justiça condenou a ação como improcedente, dando causa ganha para a Atlas Quantum.

Ações envolvendo criptomoedas são bem comuns no Brasil. Embora o país não possua regulação para o setor, nada impede que usuários processem empresas relacionadas aos ativos digitais. Nesses casos, os fatos narrados são analisados de acordo com a legislação vigente que mais se aproxima de cada ação em questão.

Homem pediu quase R$ 20 mil entre danos morais e materiais

No caso da ação envolvendo a Atlas Quantum, um usuário alega ter perdido R$ 6.822,41 em criptomoedas. Os ativos digitais foram acessados por um hacker, e segundo a parte que demandou o processo, o roubo aconteceu após o vazamento de dados da Atlas Quantum. No processo, a vítima alega que seus dados ficaram expostos na internet, levando o acesso a conta do investidor por criminosos.

Além do valor de R$ 6.822,41 perdidos em criptomoedas, o autor da ação pede danos morais pela perda dos fundos. Nesse caso, o homem determinou que o valor a ser pago pela Atlas Quantum a nível de danos morais seria de R$ 12.974,00. Porém, a ação foi julgada como improcedente.

Atlas Quantum teve dados vazados de 274 mil clientes

No dia 27 de agosto de 2018 a Atlas Quantum avisou a todos os clientes sobre o vazamento de dados referente a empresa. Naquele dia um anúncio nas redes sociais mostrava que informações importantes de milhares de pessoas estavam completamente vulneráveis. Sendo assim, a empresa orientou que a troca de senha fosse realizada por todos os usuários.

Mais de 274 mil pessoas tiveram suas informações vazadas no caso da Atlas Quantum. Embora o vazamento tenha acontecido em 2018, maiores danos não foram registrados. Até então nenhum escândalo aconteceu envolvendo a empresa de arbitragem de criptomoedas.

Empresa não terá que indenizar cliente que teve dados vazados

A vítima contou que no dia 01 de setembro de 2018 sua conta na Exodus foi invadida. A carteira digital continha mais de R$ 6 mil que foram roubados do proponente do processo. O ataque aconteceu apenas três dias após o vazamento de dados da Atlas Quantum, a quem foi atribuída a culpa pelo roubo das criptomoedas.

Mas o acesso aos ativos digitais aconteceu através de outro dispositivo que opera de forma independente à Atlas Quantum. Sendo assim, a justiça entendeu que a empresa não possui qualquer culpa em relação ao roubo de criptomoedas que aconteceu. Além disso, a empresa ainda não se pronunciou publicamente sobre o processo.

Além das criptomoedas que foram roubadas em uma carteira digital fora da plataforma de arbitragem, outro detalhe na denúncia chama a atenção. Segundo a decisão judicial, dados da vítima foram vazados anteriormente em outro processo de exposição de informações que aconteceu em 2017. Dessa forma, não teria como assegurar a responsabilidade da Atlas Quantum no procedimento que terminou com a perda de criptomoedas pela parte que moveu o processo.

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho
Jornalista em trânsito, escritor por acidente e apaixonado por criptomoedas. Entusiasta do mercado, ouviu falar em Bitcoin em 2013, mas era que nem caviar, "nunca vi, nem comi, só ouço falar".
Bitcoin-carta-amigos-e-familiares

Desenvolvedor do bitcoin escreve carta para amigos e família: “comprem bitcoin”

O bitcoin continua se mostrando um investimento por diferentes motivos, tanto para quem realiza trades quanto para quem vê a moeda como uma reserva...
Comunistas + Bitcoin

Comunistas adotam o bitcoin

Use blockchain para “aproveitar os meios de produção monetária”. É assim que começa o livro escrito pelo filósofo Mark Alizart, Criptocomunismo. Ele argumenta que a...
Bitcoin em chamas

Bitcoin bate novo recorde de preço e ultrapassa alta histórica de 2017

O Bitcoin atingiu no inicio da tarde desta segunda-feira seu maior valor. Depois de quase três anos a moeda digital superou seu antigo preço...

Últimas notícias

Comunistas adotam o bitcoin

Use blockchain para “aproveitar os meios de produção monetária”. É assim que começa o livro escrito pelo filósofo Mark Alizart, Criptocomunismo. Ele argumenta que a...

Bitcoin bate novo recorde de preço e ultrapassa alta histórica de 2017

O Bitcoin atingiu no inicio da tarde desta segunda-feira seu maior valor. Depois de quase três anos a moeda digital superou seu antigo preço...

Blockchain pode ajudar Open Banking a diminuir riscos

O chamado Open Banking está sendo implementado no Brasil e a tecnologia blockchain pode ajudar o novo sistema. De acordo com a Forbes, apesar...