Baleia ‘adormecida’ com R$ 3 bilhões em bitcoin pode “destruir” mercado, avisam analistas

Quedas de preços relacionadas a movimentos de “baleias” não são nada de novo.

Siga no
Baleia de Bitcoin
Baleia de Bitcoin

Os analistas por trás da popular conta do Twitter Whale Alert avisaram recentemente que uma baleia adormecida com 80,000 Bitcoins na carteira pode fazer com que o preço do bitcoin caia absurdamente.

Durante uma entrevista com a startup de criptomoedas SFOX, os analistas por trás da conta notaram que a carteira inativa possui cerca de US $750 milhões (R$ 3.1 bi) parados desde 2011, e que se a pessoa decidir vender essas moedas, os preços podem cair muito.

Durante a entrevista, afirmaram:

Somente esse endereço – se é realmente uma baleia que está segurando suas moedas há tanto tempo sem fazer nada com elas – se eles decidirem: ‘Ok, vamos vendê-las’, isso destruiria o mercado completamente.

Acrescentaram logo em seguida, no entanto, que não é certo que os Bitcoins nessa carteira não possam estar simplesmente perdidos, pois não se sabe se a pessoa que a tinha perdeu a chave privada ou se sequer está viva. O que podemos fazer, afirmaram, é ir monitorizando o endereço.

De acordo com dados da BitInfoCharts, a carteira tem cerca de 0.44% de todos os Bitcoins em circulação, e tem recebido pequenas quantias praticamente todos os dias. Estas podem vir de usuários apenas testando funcionalidades, ou de quem esteja a tentar perceber quem está por trás do endereço.

Quedas de preços relacionadas com movimentos de “baleias” (players com posse de grande volume de bitcoin) no mundo das criptomoedas não são nada de novo. Ainda este ano o Livecoins noticiou que uma baleia movimentou um bilhão de dólares em Bitcoin, numa transação que segundo os analistas acabou por ir para um corretora e levou a uma queda de 15% no preço do Bitcoin.

No mês passado um dos maiores sites de pornografia infantil da darknet, o Welcome to Video, foi derrubado e alguns dos bitcoins confiscado foram parar na Binance. O Whale Alert identificou que 10,000 BTC foram enviados para a corretora, e que “quase imediatamente depois dessa transação o preço da moeda digital caiu.”

Dados da Binance mostram o que aconteceu assim que os Bitcoins chegaram à corretora.Venda dos Bitcoins na Binance

É importante salientar que grandes detentores de Bitcoin ativos no mercado estão comprando cada vez mais, especialmente quando os preços caem. Além disso quedas devido a grandes vendas são por norma localizados em corretoras e têm recuperações rápidas.

Em 2017, uma baleia de Ethereum vendeu “vários milhões de dólares” de ETH na correta GDAX, agora conhecida como Coinbase Pro, e fez com que o preço da criptomoeda caísse de US $319 para US $0.10 em segundos. A recuperação levou, também, segundos.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Francisco Memoria
Francisco juntou-se à comunidade crypto em 2016, altura em que começou a escrever para várias publicações na área, incluindo Bitcoin.com, CCN, e The Merkle, entre outras. Apoia o libertarismo, e é grande fã e tecnologia.
CVM versus Coinbene corretora no Brasil

Corretora de criptomoedas anuncia fim de atividades no Brasil

A corretora global de criptomoedas Coinbene anunciou nesta segunda-feira (18) o fim de suas atividades no Brasil, devido a razões políticas "conhecidas". Está é segunda...
Martelo da Justiça e Bitcoin em destaque

Safra pede bloqueio de criptos em corretoras para cobrar dívida de posto de gasolina

O Banco Safra poderá pedir o bloqueio de criptomoedas em corretoras em um caso que envolve uma rede de postos em São Paulo que...

Primeiro ETF de Bitcoin nos EUA estreia nesta terça-feira

Embora muitos apontassem que o ETF da Valkyrie seria o primeiro a ser aprovado, a ProShares saiu na frente desta largada. Segundo a empresa,...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias