Mudança feita pela Binance pode beneficiar USDT, aponta JPMorgan

Enquanto a USD Coin (USDC) se aproximou em valor de mercado da Tether (USDT), com apenas US$ 17 bilhões de diferença, seu volume ainda segue longe de ser uma ameaça a sua rival.

Na semana passada, a Binance anunciou que estaria removendo dezenas de pares de negociações, mesclando-os em um só. Embora isso possa trazer mais volume, o JPMorgan acredita que a decisão deve beneficiar a Tether, única stablecoin que ficou fora desta “cesta”.

Na atualização em questão, as stablecoins USDC, USDP e TUSD foram transformadas em BUSD nos livros de negociação. Tal medida seria uma forma de fortalecer a liquidez de diversos pares, tanto em operações à vista quanto de derivativos.

Apesar disso, estas três stablecoins ainda podem ser depositadas e sacadas da corretora normalmente. Portanto, a mudança ocorreu apenas nos trades, como mencionado acima.

Mudança da Binance beneficia a Tether, afirma JPMorgan

Enquanto a USD Coin (USDC) se aproximou em valor de mercado da Tether (USDT), com apenas US$ 17 bilhões de diferença, seu volume ainda segue longe de ser uma ameaça a sua rival.

Com a Binance seguindo um modelo que já existe em outras corretoras, este reinado da Tether pode estar ainda mais protegido. Segundo análise do JPMorgan, publicado pelo The Block, tal mudança coloca a USDT em grande vantagem nesta corrida.

“Em nossa opinião, esta decisão provavelmente reforçará a importância da Tether no universo das stablecoins, que estava sob ameaça da USDC.”

Seguindo, nota que a força da Tether não se resume apenas a seu valor de mercado, mas sim ao seu volume. Além disso, vale lembrar que a stablecoin já foi adotada legalmente pelo governo paralelo de Myanmar.

“Em nossa opinião, a importância do Tether não se limita apenas à sua participação de mercado no universo das stablecoins, mas também depende de seu uso, em particular nas negociações”, aponta o analista do JPMorgan.

Volume da USDT é maior que do Bitcoin

Outro ponto que demonstra bem o tamanho da Tether é o seu volume de negociações. Segundo o CoinGecko, a USDT possui um volume de US$ 53,7 bilhões nas últimas 24 horas, 43% maior que o volume de US$ 37,5 bilhões do Bitcoin no mesmo período.

Enquanto isso, USD Coin (USDC) e Binance USD (BUSD) alcançam a marca de apenas US$ 19 bilhões, quando seus volumes são somados. Portanto, é possível que o reinado da Tether continue por ainda mais tempo.

Dado a importância das stablecoins para o mercado, tanto interno quanto externo, também é necessário estar atento as regulamentações. Afinal, governos têm grande interesse em categorizar emissores destas moedas como bancos, prometendo leis mais rígidas sobre os mesmos, o que pode mudar o jogo.

💰 $100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias