Binance suspende saques e depósitos de tokens na rede Multichain, veja a lista

A Binance suspendeu o suporte para saques e depósitos de vários tokens de ponte cross-chain associados ao projeto Multichain. De acordo com o anúncio oficial postado no blog da corretora, a empresa encerrará o suporte para depósitos e saques de 8 tokens.

Marcada para a próxima sexta-feira (7 de julho), a suspensão dos serviços para os tokens ficará em vigor no site Binance.com por tempo indeterminado.

A suspensão inclui uma série de tokens criados na Multichain em diferentes redes, afetando particularmente os tokens implantados na rede BNB Smart Chain. A lista completa de tokens é a seguinte:

  • Polkastarter (POLS) via BNB Smart Chain
  • Alchemy Pay (ACH) via BNB Smart Chain
  • Beefy.Finance (BIFI) via Fantom Network
  • SuperVerse (SUPER) via BNB Smart Chain
  • Travala (AVA) via Ethereum Network
  • Spell Token (SPELL) via Avalanche C-Chain
  • Alpaca Finance (ALPACA) via Fantom Network
  • Harvest Finance (FARM) via BNB Smart Chain

Outras redes ainda funcionam

Como acontece em outras situações, a Binance não forneceu uma explicação detalhada para tal medida. A maior corretora de criptomoedas do mundo afirmou que a suspensão é uma continuação de uma ação anterior tomada em 24 de maio contra a Multichain.

Na época, a Binance suspendeu temporariamente o suporte para depósitos de certos tokens transferidos por meio da Multichain, citando problemas com o protocolo.

Apesar da suspensão em vigor relacionada ao projeto Multichain, a Binance assegura que seus usuários ainda podem realizar depósitos e retiradas dos tokens afetados por meio de outras redes suportadas pela exchange.

Isso significa que tais ativos podem continuar sendo transacionados sem interrupção, desde que não estejam envolvidos com o projeto Multichain.

“PEDIMOS DESCULPAS POR QUALQUER INCONVENIENTE QUE TENHAMOS CAUSADO.”

“OS USUÁRIOS AINDA PODEM DEPOSITAR OU SACAR OS TOKENS ACIMA POR MEIO DE OUTRAS REDES SUPORTADAS PELA BINANCE.”

Problemas da Multichain

Atualmente, a ponte Multichain supervisiona um valor superior a US$ 1,3 bilhão em ativos cunhados por meio de sua plataforma cross-chain.

Os ativos englobam US$ 700 milhões em Ethereum, US$ 339 milhões na BNB Smart Chain e US$ 92 milhões em Fantom, de acordo com dados do DeFiLlama.

Em maio, a Binance suspendeu o depósito de 10 criptomoedas afetadas por um erro na Multichain. Ao comentar sobre o problema, a equipe da Multichain não foi totalmente clara sobre quais as razões de algumas de suas pontes pararem de funcionar.

No entanto, ao tentar apresentar esclarecimentos, requisitados tanto pela Binance quanto pelos usuários, a equipe revelou mais problemas: ninguém conseguia encontrar o CEO, Zhaojun, e só ele possuía acesso aos servidores.

Mais tarde, a Multichain aparentemente confirmou rumores de que o CEO havia sido detido pela polícia chinesa.

Com o travamento das redes, enviar tokens se tornou uma tarefa impossível. Assim, a Binance foi uma das corretoras a anunciar a suspensão de depósitos de tokens oriundos das redes com problemas.

A Binance ainda declarou que aguardava esclarecimentos da Multichain e que seguiria temporariamente suspendendo os depósitos.

Dois meses se passaram desde então, e a Multichain continua enfrentando problemas e desconfiança dos usuários, fazendo a Binance tomar a mais recente medida de suspensão dos serviços.

No meio do furacão de problemas, a criptomoeda Multichain (MULTI) perdeu mais de 60% de seu valor, saindo de US$ 8 para US$ 3.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Siga o Livecoins no Google News.

Curta no Facebook, TwitterInstagram.

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias

Bitcoin 2024

Últimas notícias