“Bitcoin é a coisa mais estúpida que já vi”, diz braço-direito de Warren Buffett

Vice-presidente da Berkshire Hathaway, Charlie Munger provavelmente conhece o Bitcoin há mais tempo que todos nós, mas nunca gostou da ideia. No início desse ano, afirmou que os EUA deveriam banir o Bitcoin, chamando a criptomoeda de jogo de azar.

Charlie Munger, conhecido por ser o braço-direito de Warren Buffett, voltou a criticar o Bitcoin na última semana, afirmando que a maioria dos investimentos em criptomoedas cairão para zero. Suas falas foram ditas no Zoomtopia, um evento online da Zoom.

O vice-presidente da Berkshire Hathaway também aproveitou para criticar o setor de Inteligência Artificial (IA). Segundo o investidor de 99 anos, há muito exagero sobre o assunto.

Enquanto isso, o portfólio de sua empresa segue focado em ações da Apple, seguindo por outras grandes marcas americanas, como Bank America, Coca-Cola e Heinz.

Braço direito de Warren Buffett continua cético sobre o Bitcoin

Vice-presidente da Berkshire Hathaway, Charlie Munger provavelmente conhece o Bitcoin há mais tempo que todos nós, mas nunca gostou da ideia. No início desse ano, afirmou que os EUA deveriam banir o Bitcoin, chamando a criptomoeda de jogo de azar.

Em outras oportunidades, o investidor também já chamou o setor de “esgoto a céu aberto” e “criptofezes”, novamente defendendo as moedas estatais como as únicas possíveis na economia.

Participando de um evento da Zoom na última semana, Munger voltou a expressar seu desinteresse sobre o Bitcoin, dessa vez alertando sobre uma possível desvalorização do mercado.

“Não me fale sobre bitcoins — esse foi o investimento mais estúpido que já vi. A maioria desses investimentos vai para zero.”

Seu pensamento é o mesmo de Warren Buffett. Em suma, a dupla de investidores não acredita no Bitcoin porque ele não gera dividendos, mas as críticas vão além, principalmente pelo pseudo-anonimato do Bitcoin e sua concorrência com o dólar americano.

Investidor lendário também está preocupado com o setor de Inteligência Artificial (IA)

Além das criptomoedas, outra tecnologia que está sendo comentada por todo o mercado é a Inteligência Artificial. No entanto, Charlie Munger também não está convencido de que o setor também é uma bolha.

“Acredito que está recebendo muita atenção e eu acho que provavelmente está recebendo mais do que merece.”

Explicando seu pensamento, Munger nota que a inteligência artificial é “muito útil”, mas que essa tecnologia “já existe há muito tempo”, desde a década de 1950. Outro investidor preocupado com a IA é Arthur Hayes, notando que muitas dessas empresas apenas queimarão o dinheiro captado.

Hoje mais da metade da carteira da Berkshire Hathaway é composta por ações da Apple, avaliadas em US$ 177 bilhões. Completando as cinco maiores exposições estão papéis do Bank America, American Express, Coca-Cola e Chevron.

Embora seja muito difícil acreditar que Buffett e Munger tenham criptomoedas em seu portfólio, muitos investidores lembram que a Berkshire Hathaway possui investimentos no Nubank, banco brasileiro que oferece diversos produtos cripto a seus clientes.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Siga o Livecoins no Google News.

Curta no Facebook, TwitterInstagram.

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias

Bitcoin 2024

Últimas notícias