Bitcoin rumo a U$ 9.500 um dia após ter sido atacado pela Goldman Sachs

Alguns acreditam que o ataque da empresa de investimento foi uma tática para enganar o mercado e poder comprar mais Bitcoins.

Siga no
Bitcoin
Imagem Cortesia do Flickr

O Bitcoin continua surpreendendo os investidores com as suas movimentações (positivas e negativas). Após uma recente queda, o maior ativo digital do mundo estava dando vários sinais de que continuaria em movimento de baixa, perdendo valor durante esta quinta-feira, principalmente após a Goldman Sachs, uma das principais empresas de investimento do mundo, atacar o Bitcoin.

No entanto, quase que como um desafio em relação às opiniões a Goldman Sachs, o Bitcoin surpreendeu e começou a valorizar desde ontem. A moeda que antes estava lutando para conseguir se manter no suporte de US$ 8.800 e ora falhando na resistência de US$ 9.200, hoje já testa a resistência de US$ 9.500.

Esse é um momento bastante interessante para uma alta como essa, afinal, os contratos futuros da CME expiram amanhã, dia 29. Esse é um período considerado “lento” para o preço da moeda e geralmente com poucas alterações.

Gráfico mostra alta do Bitcoin desde ontem, 27. Fonte: TradingView

No entanto, contrariando as previsões, algo que o mercado do Bitcoin adora fazer, os sinais apontam para um sentimento de alta no curto e médio prazo. Atualmente com o valor de US$ 9.447, tendo muita força nesse nível de suporte, também temos um bom sinal no volume de negociação que manteve a alta liquidez dos últimos dias.

Essa é uma movimentação muito importante para a criptomoeda que aos poucos tenta alcançar o preço de US$ 10 mil, uma barreira psicológica mais do que fundamental para esse período pós-halving.

Como sempre, é difícil saber para qual nível o preço do ativo vai caminhar a partir deste momento. No entanto, esse folego veio em um bom momento.

Analistas tiram sarro da Goldman Sachs

Divulgação/Goldman Sachs
Divulgação/Goldman Sachs

E parece que não foi só o criptomercado que não ligou para o que a Goldman Sachs pensa do Bitcoin, alguns dos especialistas do setor aproveitaram para tirar um pouco de sarro da opinião da empresa de investimentos.

Alguns acreditam que o ataque da empresa de investimento foi uma tática para enganar o mercado e poder comprar mais Bitcoins.

“Quando mais eu penso sobre isso, mais me parece que o relatório da Goldman era uma jogada falsa. Me parece que é algo que a lula vampírica (um tipo de animal) faria. Eles provavelmente vão mudar de nome para ‘Goldman Stackin Sats’ logo.”

Willy Woo, outro grande nome do criptomercado, também acredita que a Goldman Sachs está querendo aproveitar para comprar Bitcoin.

“Goldman Sachs ama tanto o Bitcoin eu eles falam para os clientes não comprar, assim eles podem comprar mais.”

Matheus Henrique
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Comércio de Bitcoin na China aumenta, apesar de ser banido

Em 2017, a China fechou corretoras locais de criptomoedas, sufocando um mercado especulativo que era responsável por grande parte do comércio global de criptomoedas....
Divulgação/Goldman Sachs

Goldman Sachs reabre mesa de negociação de Bitcoin

A recente alta do Bitcoin reacendeu o interesse de diferentes players no criptomercado, com fontes afirmando que a Goldman Sachs, um dos nomes mais...
Bitcoin em fevereiro de 2021

Bitcoin foi o ativo com melhor desempenho em fevereiro, ouro e B3 em queda

O preço do Bitcoin teve alta de 42% em fevereiro, sendo o melhor ativo do mês. Ao contrário do desempenho da moeda digital, ativos...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias

Goldman Sachs reabre mesa de negociação de Bitcoin

A recente alta do Bitcoin reacendeu o interesse de diferentes players no criptomercado, com fontes afirmando que a Goldman Sachs, um dos nomes mais...

Bitcoin foi o ativo com melhor desempenho em fevereiro, ouro e B3 em queda

O preço do Bitcoin teve alta de 42% em fevereiro, sendo o melhor ativo do mês. Ao contrário do desempenho da moeda digital, ativos...

Província da China vai banir mineração de Bitcoin por causa do impacto ambiental

A emissão de gases de carbono é uma grande preocupação atualmente, sendo classificado como o principal causador do efeito estufa e um dos motivos...

Desenvolvedores voltam a atualizar Dogecoin

No meio da alta recorde das criptomoedas no ano passado, a Dogecoin (DOGE) se destacou como uma ovelha negra. Ela valorizou 2100% no intervalo...

Citibank: Bitcoin pode se tornar uma moeda de comércio global

O Bitcoin está em um "ponto de inflexão" e pode se tornar a moeda preferida para o comércio internacional, disseram analistas do gigante bancário...