Bitcoin SV sofre ataque 51% e corretoras suspendem negociação

Bittrex, Gravity e OKEx já paralisaram o trade da criptomoeda.

Siga no
Bitcoin SV preço em queda
Bitcoin SV preço em queda

O Bitcoin SV foi alvo de um ataque cibernético, possivelmente de 51%, que levou corretoras a paralisar a negociação da criptomoeda.

No último dia 8 de julho, os problemas foram a público, com uma nota da Bitcoin Association, uma entidade que controla a rede do Bitcoin Satoshi Vision (BSV).

“A Bitcoin Association e o ecossistema BSV têm tolerância zero para atividades ilegais.”

Isso teria ocorrido após uma reorganização de blocos ser detectada nesta rede, técnica de ataque cibernético que é fulminante contra redes descentralizadas. Isso porque, ao reorganizar a blockchain do Bitcoin SV, o agente mal-intencionado consegue até realizar gastos duplos, que parece ter sido um caso bem-sucedido no ataque da última semana.

“Como parte do monitoramento regular da rede pela equipe de infraestrutura do Bitcoin SV, a Associação foi informada de um ataque ilegal contra a rede do Bitcoin SV. Um ator mal-intencionado recentemente realizou ataques de reorganização de blocos na rede Bitcoin SV, que parecem ser atos intencionais em um esforço para mascarar o duplo gasto ilegal de moedas.”

Vale o destaque que o Bitcoin SV é uma criptomoeda alternativa, criada a partir de um hard fork do Bitcoin Cash, que já havia sido criado através de modificações do Bitcoin (BTC). Ou seja, essa é uma rede completamente diferente do verdadeiro Bitcoin, moeda digital mais famosa no mundo.

Bitcoin SV é alvo de ataque 51% e grandes corretoras paralisam depósitos

Após ver um ataque em sua blockchain, causado certamente pela baixa presença de mineradores na rede, o Bitcoin SV despencou para a 40ª posição em valor de mercado. O preço do BSV já caiu -23,2% nos últimos 30 dias e a comunidade ainda procura entender o que se passa.

Vale notar que um ataque 51% em altcoins sempre foi mais barato que no Bitcoin, visto que essas redes não conseguem manter uma atratividade no longo prazo.

Com o caso do Bitcoin SV, a associação que mantém o controle da rede pediu que as corretoras desabilitem a negociação da moeda para evitar que o atacante gaste as moedas recém-adquiridas. Ou seja, a rede segue funcionando, mas quer impedir que os BSVs sejam gastos em corretoras.

“Dada a natureza dos ataques ilegais realizados, é do interesse de toda a indústria de blockchain e moeda digital interromper a atividade ilegal o mais rápido possível.”

As corretoras OKEx, Bittrex e Gravity já anunciaram a pausa nos depósitos de Bitcoin SV.

A moeda foi criada por Craig S. Wright, conhecido como Faketoshi, visto que ele afirma ser o verdadeiro criador do Bitcoin. Além disso, nas últimas semanas, CSW ganhou um processo na justiça contra o site Bitcoin.org, pedindo para retirar o Whitepaper do Bitcoin da página.

Mas o ataque 51% contra sua rede acabou atraindo atenção da comunidade do Bitcoin, que assistiu ao colapso do BSV nos últimos dias.

“Parece que algo está acontecendo com o BSV. Todas as grandes corretoras, e agora até mesmo os provedores de liquidez, estão abandonando-as. Talvez relacionado ao ataque de 51%.

É interessante assistir ao colapso de uma criptomoeda em tempo real. As pessoas nem conseguem vender. Depósitos desativados em todos os lugares.”

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Kid Bengala promete dar “madeirada” em quem vender criptomoeda

Após a sua grande carreira na indústria de filmes adultos, Clóvis Basílio dos Santos, mais conhecido como Kid Bengala, se tornou uma celebridade na internet...

Um dos maiores bancos dos EUA pode estar explorando empréstimos com Bitcoin

Com os bancos e outras instituições demonstrando cada vez mais interesse no criptomercado, podemos ver cada vez mais produtos ligados ao setor tradicional e...
Homem olhando bravo para notas amassadas de Real brasileiro enquanto segura o Bitcoin

Pesquisa revela que brasileiros acreditam no Real digital apenas no curto prazo

Muitos brasileiros acreditam no Real digital como uma tecnologia promissora de curto prazo, não para daqui a cinco anos. Pelo menos isso é o...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias