Bolha do mercado de ações nos EUA está prestes a estourar, alerta o Bank of America

Segundo as previsões divulgadas no relatório, o balanço do FED alcançará o valor recorde de 42% da economia do país neste ano, já o déficit orçamentário do país norte americano pode atingir 33% do produto interno bruto (PIB).

Siga no

Um dos maiores bancos dos Estados Unidos publicou um relatório alertando que a “forte alta” no mercado de ações em menos de 1 ano após o “crash” que aconteceu em março do ano passado é resultado de uma bolha nos preços dos ativos e segundo eles pode estar prestes a estourar.

De acordo com Michael Hartnett, analista do Bank of America, “as medidas de contenção da crise praticadas pelos Estados Unidos estão alimentando a bolha nos preços dos ativos de Wall Street”.

O relatório explica que as ações monetárias do Federal Reserve (FED), o Banco Central dos EUA, além das políticas de estímulo fiscal que foram aplicadas afim de diminuir o impacto devastador da pandemia, são prejudiciais.

Segundo as previsões divulgadas no relatório, o balanço do FED alcançará o valor recorde de 42% da economia do país neste ano, já o déficit orçamentário do país norte americano pode atingir 33% do produto interno bruto (PIB).

A posse do novo presidente dos Estados Unidos na semana passada promoveu um otimismo no mercado, com os principais índices das bolsas de valores dos EUA registrando novas máximas.

O S&P 500 e o Dow Jones registraram leve baixa, após atingirem máximas recordes no final da semana, mas ainda assim estavam em alta de 1,9% 0,6% no acumulado da semana. Já a Nasdaq, bolsa de valores dos EUA especializada em empresas de tecnologia, não registrou baixa, pelo contrário, fechou a última semana com recorde.

“O mercado de ações em todo o mundo dispararam quase 80%, liderados pelos EUA. No entanto, a alta não pode durar para sempre, uma correção do mercado pode vim no primeiro trimestre. Disseram os analistas do Banco.”

Para os analistas “uma explosão especulativa em estágio avançado” pode ocorrer quando “aqueles que querem ficar ricos começam a agir como aqueles que querem ficar ricos”. Segundo eles, o aumento do interesse pela especulação de alto risco, é um problema e pode ocasionar perdas consideráveis.

Recentemente outros bancos que emitiram alertas semelhantes foram o Goldman Sachs e o banco alemão Deutsche Bank.

Para os bancos, o mercado de ações está se aproximando de um momento de correção. Para eles a “conta não fecha”, as altas nos preços das ações ocorrem em um momento em que o mercado ainda é movido por boas notícias, escolhendo “ignorar os dados mais fracos e as taxas de infecção da covid que está crescendo”.

Para o Bank of America, o que poderá ser estopim para a correção nos mercados de ações em todo o mundo será a vacina do COVID-19.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Diego Marques
Começou em 2016 como um dos primeiros redatores do Guia do Bitcoin. Diego tem preferência por notícias que podem influenciar o preço das criptomoedas, mas também gosta de escrever curiosidades do cripto-universo.
Leão. Imagem: Shutter Stock

Receita Federal dos EUA já apreendeu R$ 6,21 bilhões em criptomoedas em 2021

Assim como acontece aqui no Brasil, órgãos governamentais realizam leilões de objetos e bens apreendidos de irregularidades fiscais, processos de falência e muitos outros....
Moedas Monero movidas

Após prisão de desenvolvedor da Monero, milhares de moedas são movidas

Após a prisão do desenvolvedor da criptomoeda Monero, Riccardo Spagni (Fluffy Pony), os administradores do Fundo Geral da moeda moveram milhares de XMR para...
Jair Bolsonaro

Bolsonaro diz que 99% das pessoas não sabem o que é o Bitcoin

Jair Bolsonaro (Sem Partido) participou de uma entrevista com a Rádio 96 FM, do Rio Grande do Norte, onde falou que 99% dos brasileiros...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias