Bug em cliente do Ethereum afeta 8% da rede

Um bug no Geth poderia levar a divisão da rede. Enquanto a 'chain A' seria usada apenas por esses clientes, a 'chain B' levaria todos os outros clientes.

O Ethereum, segunda maior criptomoeda do mercado, passou por problemas técnicos neste domingo (21) após o cliente Nethermind apresentar um bug. Com 8% de participação, tal cliente é o segundo maior do Ethereum, ficando atrás apenas do Geth, criado pelos desenvolvedores do ETH, com seus 84%.

No Github, desenvolvedores apontaram que o problema afetou as versões 1.25, 1.25.1 e 1.26 do Nethermind. “O cliente de execução parou de processar blocos (talvez em todos os usuários do cliente Nethermind)”, descreveu um usuário.

No log apresentado, é possível ver que o cliente estava considerando todos blocos como “inválidos”, o mesmo com a chain. Ou seja, quem estava utilizando o Nethermind não estava processando nenhum bloco.

Bug em cliente do Ethereum mostra o lado bom e ruim do Ethereum

Conforme o Ethereum possui mais de um cliente, o bug no Nethermind não teve grande impacto na rede. Pelo contrário, nenhum usuário deve ter percebido o problema, a não ser aqueles que estivessem usando tal cliente.

Lista de clientes de Ethereum mostra uma diversificação na rede, mas Geth ainda domina. Fonte: ClientDiversity.org.
Lista de clientes de Ethereum mostra uma diversificação na rede, mas Geth ainda domina. Fonte: ClientDiversity.org.

No entanto, o bug deu espaço para novos alertas sobre o Ethereum. Em suma, o problema poderia ter sido muito pior caso o bug tivesse acontecido no Geth, que domina a rede.

Em suma, um bug no Geth poderia levar a divisão da rede. Enquanto a chain A seria usada apenas por esses clientes, a chain B levaria todos os outros clientes.

“O caso 2 [bug no Geth] será muito pior se o cliente com bug for executado por mais de 2/3 em stake, caso em que estaria finalizando a cadeia inválida”, comentou Dankrad Feist ainda em 2022.

Como consequência, stakers que estivessem usando o Geth seriam penalizados, perdendo dinheiro. No próprio título de seu artigo, o desenvolvedor do Ethereum alerta: “Use o cliente dominante por sua própria conta e risco!”

Divisão que pode acontecer na rede Ethereum caso aconteça um bug no cliente Geth, responsável por 80% da rede. Fonte: Dankrad Feist.
Divisão que pode acontecer na rede Ethereum caso aconteça um bug no cliente Geth, responsável por 80% da rede. Fonte: Dankrad Feist.

Além disso, os próprios usuários do Ethereum teriam problemas já que a rede se dividiria em duas, podendo levar a transações falsas e também golpes em corretoras descentralizadas.

Portanto, esse é o motivo pelo qual há tantos alertas para que pessoas abandonem o Geth. Talvez agora com o bug do Nethermind essa migração seja acelerada, já que a teoria não é mais teoria.

Em atualização sobre o incidente, desenvolvedores do Nethermind afirmaram que uma atualização já se encontra disponível e o bug já foi corrigido.

“Estamos relançando a versão Experimental. Esta versão inclui uma correção para o problema de consenso introduzido no Nethermind v1.23.0”, comentaram os desenvolvedores nesta manhã. “Post mortem completo está sendo preparado e será compartilhado em breve.”

Ethereum cai mais que o Bitcoin nesta segunda-feira

O Ethereum ultrapassou os US$ 2.700 no início deste mês, talvez por alguns traders imaginarem que o ETH pudesse enfrentar um rali devido à chegada de seus próprios ETFs. No entanto, o mercado esfriou e o ETH já caiu 12,7% desde então.

Negociado a US$ 2.372, o ETH opera em queda de 4,1% nesta segunda-feira (22). Embora esteja seguindo o Bitcoin, que também está em baixa, vale notar que o BTC caiu apenas 2,3% no mesmo período.

O bug no cliente Nethermind até pode ter influenciado traders. No entanto, a Fundação Ethereum vendeu cerca de 700 ETH (R$ 8,3 milhões) também nesta segunda-feira, a quantia foi transformada na stablecoin Dai (DAI) e a ação pode ter impactado o preço do ETH.

Ethereum Foundation vende 700 ETH no mercado, pressionando sua própria criptomoeda. Fonte: Arkham.
Ethereum Foundation vende 700 ETH no mercado, pressionando sua própria criptomoeda. Fonte: Arkham.

 

💰 $100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias