Banco digital anuncia fundos de criptomoedas da Hashdex

Além do C6Bank, esses fundos passaram também a ser ofertados por instituições como BTGPactual, Banco Inter, XP investimentos, Pagbank e Órama.

O C6 Bank anunciou hoje (05) que irá oferecer em sua plataforma dois fundos baseados em criptomoedas geridos pela Hashdex. De acordo com o banco, os investimentos iniciais nesses fundos variam entre R$ 500 e R$ 10 mil.

Os fundos Hashdex 20 Nasdaq Crypto Index FIC FIM e Hashdex 40 Nasdaq Crypto Index FIC FIM tem parte de sua rentabilidade atrelada ao Bitcoin, Ethereum, Stellar, Litecoin, Bitcoin Cash e Chainlink. 

A incidência do valor das criptomoedas, no entanto, não ocorre diretamente no fundo, mas sim por meio do índice NCI (Nasdaq Crypto Index).

No caso dos fundos Hashdex 20 Nasdaq Crypto Index FIC FIM, a pessoa terá de aportar inicialmente um mínimo de R$ 500 e as aplicações seguintes não poderão ser abaixo de R$ 100.

Por meio desse fundo, a pessoa terá 20% dos investimentos expostos ao NCI e o restante (80%) será investido em renda fixa. O C6 Bank anunciou que a liquidez desse investimento é de sete dias úteis. 

O outro fundo, o Hashdex 40 Nasdaq Crypto Index FIC FIM, exige aportes maiores do investidor interessado. A aplicação inicial não pode ser menor de R$ 10 mil e o valor para aportes adicionais devem ser de no mínimo mil reais.

A liquidez desse fundo também é de sete dias úteis. A diferença, porém, além do valor aportado, é a do percentual que será investido no Nasdaq Crypto Index que será de 40%. Os 60% restantes, entretanto, serão aplicados na renda fixa.

Nos últimos doze meses os fundos Hashdex 20 e Hashdex 40 tiveram, então, respectivamente a rentabilidade de 52,09% e de 128,07%.  

Além do C6Bank, esses fundos passaram também a ser ofertados por instituições como BTGPactual, Banco Inter, XP investimentos, Pagbank e Órama.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Últimas notícias