Casa da Moeda no Brasil pode perder monopólio em breve

Fim do papel-moeda é iminente?

Siga no
Real Bitcoin (Moeda digital, criptomoeda, moedas digitais, criptomoedas, moeda virtual)
Real Bitcoin

A Casa da Moeda no Brasil, que atualmente detém o monopólio legal para emissão de alguns documentos, poderá perder em breve essa condição. O tema é alvo de debate desde o início do governo Jair Bolsonaro.

De fato Bolsonaro deseja a privatização deste serviço, que é uma má notícia para os servidores públicos do local. No local o clima é tenso, com paralisações e greves pelos funcionários que alegam não receber seus salários desde dezembro de 2019.

Os problemas da Casa da Moeda são grandes, uma vez que a empresa não dá lucros. Ou seja, apesar de ser pública e deter o monopólio da impressão de dinheiro no Brasil, é uma empresa que ruma para a falência.

Cada da Moeda pode perder monopólio no Brasil

As principais atividades da Casa da Moeda é a impressão de papel-moeda, moedas metálicas e selos de cigarros. Essas atividades são exclusivas dessa empresa pública, que detém um monopólio legal no setor.

O problema, contudo, é a falta de verba para manter essa estrutura, que é apontada como deficitária pelo governo. Em pauta, há uma reunião marcada para a próxima quarta (05), que definirá os próximos passos da privatização da Casa da Moeda.

Desde 2019 é debatida a Medida Provisória n.º 902, que é de autoria do presidente da república. Esta está em apreciação no Senado Federal, apelidada de “Fim da Exclusividade da Casa da Moeda no Brasil”.

Em resumo, o monopólio legal que a Casa da Moeda detém poderá cair em breve, como desejado pelo governo. Apesar disso, conforme matéria do Senado Federal, a perda de exclusividade ainda ficaria com a empresa até 2023.

Ou seja, mesmo que a comissão aprove a MP, o tempo para a implementação das novas regras demoram a serem implementadas. O andamento da MP n.º 902 aconteceu após o fim das férias do legislativo, na última segunda (03).

Sindicato dos Moedeiros já alerta contra fim do papel-moeda desde 2018

O Sindicato Nacional dos Moedeiros está de olho nas greves e paralisações dos servidores públicos. Com apoio às manifestações, tem sido divulgado em sua página, uma forma de manter viva a categoria de moedeiros.

Sindicato Nacional de Moedeiros cobre manifestações de servidores públicos
Sindicato Nacional de Moedeiros cobre recentes manifestações de servidores públicos – Reprodução/Sindicato Nacional de Moedeiros

Certamente o maior problema é que no mundo todo o apoio ao dinheiro físico tem caído. Nos EUA, por exemplo, um projeto de lei quer manter vivo o dinheiro em espécie, em oposição ao digital. Mesmo assim, concorre com este um projeto de melhorar o Dólar digital, ou seja, há uma concorrência dentro dos próprios governos para saber qual será a forma de dinheiro corrente no mundo.

Chama atenção que o próprio Sindicato dos Moedeiros do Brasil já se atentou para a realidade das criptomoedas, como o Bitcoin. Em 2018, a associação já havia publicado um texto alertando para o fim do papel-moeda no mundo, uma tendência clara de vários países desenvolvidos.

Em resumo, as atividades deficitárias da Casa da Moeda no Brasil é um problema, que talvez nem com o fim do monopólio desta irá melhorar. Mesmo que empresas se interessem pela atividade, o fim do papel-moeda é claro, sendo a adoção do Bitcoin uma possível solução para este problema.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Universidad Americana Imagem: Divulgação

Universidade privada do Paraguai vai aceitar pagamentos em Bitcoin e Ethereum

A Universidade Americana do Paraguai vai começar aceitar pagamentos em criptomoedas a partir de agosto, os alunos poderão pagar por cursos e graduação com...
Mulher usa ATM do Santander no Reino Unido

Santander testa ferramenta para rastrear criptomoedas

O Santander quer entender como os seus clientes usam as criptomoedas em simultâneo as contas correntes. Para isso, o banco testou uma ferramenta da...
john mcaffe

Suicídio de John McAfee em prisão na Espanha levanta suspeitas

John McAfee, fundador da empresa de tecnologia McAfee, foi encontrado morto na tarde de hoje (23) na cadeia espanhola de Brians 2, localizada em...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias