CEO da Intel afirma que Bitcoin é uma crise ambiental

Gelsinger aproveitou a oportunidade para falar que a Intel está desenvolvendo novas tecnologias, como um "processador de blockchain" que vai permitir que a blockchain cause menos dano para o meio ambiente no futuro.

Pat Gelsinger, CEO da Intel, é conhecido por ter sido um crítico do Bitcoin no passado, tendo afirmado em 2019 que o “Bitcoin é mal desenhado, extremo e intolerante ao meio ambiente”.

Gelsinger voltou a falar negativamente sobre o Bitcoin, dizendo que a criptomoeda ainda é uma crise para o meio ambiente, mas, ao mesmo tempo ele acredita no potencial da blockchain para revolucionar o mundo.

Durante uma entrevista à Bloomberg Technology ele afirmou que ainda acredita que o Bitcoin é problemático em relação ao meio ambiente, dizendo que um único registro na blockchain gasta a mesma energia que uma casa gasta durante um dia inteiro.

“Um único registro na ledger do Bitcoin consume a mesma quantidade de energia que uma casa durante um dia todo. Isso é uma crise ambiental. se nós produzimos uma tecnologia que consume tanta energia, isso não é ok.”, disse Gelsinger.

No entanto, isso não quer dizer que o CEO da Intel acredita que a blockchain do Bitcoin é uma causa perdida, apenas que ainda não está sendo de uma boa forma, mas que é possível desenvolver a tecnologia para que a blockchain se torne benéfica para o mundo.

Intel anuncia “processador de blockchain” melhor que tecnologias atuais

Gelsinger aproveitou a oportunidade para falar que a Intel está desenvolvendo novas tecnologias, como um “processador de blockchain” que vai permitir que a blockchain cause menos dano para o meio ambiente no futuro.

“Não é uma tecnologia ruim, mas não estamos usando ela de forma boa ainda. A Intel está para apresentar um processador de blockchain que é, bom, dramaticamente melhor, que é, sabe, muito melhor na questão de eficiência energética, então vamos ajudar a resolver a questão ambiental dessa maneira.”, disse o CEO.

Além disso, ele afirmou que a Intel quer trabalhar junto com a indústria de criptomoedas para encontrar maneiras de regular tecnologias como a blockchain para que no futuro ela possa ajudar a sociedade de forma mais eficiente, podendo até trazer revoluções para diferentes setores.

“Vamos trabalhar para consertar isso, porque essa é uma tecnologia poderosa (…) podemos transformar moedas, transações, cadeias de suprimentos, isso é animador.”

O anúncio, logo depois de uma crítica ao Bitcoin, claramente soa como oportunismo para essa nova super tecnologia que vai revolucionar a indústria da blockchain, aproveitando a narrativa de que a blockchain causa danos para o meio ambiente para aumentar ainda mais a necessidade por essa nova tecnologia e não simplesmente preocupação com o meio ambiente pra valer.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Últimas notícias