Coinbase acusada de bloquear conta de empreendedor

Siga no

A Coinbase, a maior corretora de criptomoedas nos Estados Unidos, foi recentemente acusada por um empreendedor de lhe bloquear a conta devido a, segundo a descrição deste, uma compra de Bitcoin.

De acordo com Alistair Milne, um famoso investidor no espaço e o diretor de informações no Altana Digital Currency Fund, revelou recentemente através do Twitter que a sua conta na Coinbase foi bloqueada por 72 horas, por tentar comprar e transferir fundos.

De acordo com o empreendedor, que se concentra em investir em empresas relacionadas com o Bitcoin em fase embrionária, este tem a sua conta verificada na Coinbase desde 2013, e limitou-se a comprar US $3,500 de BTC antes de ser bloqueado, pois pretendia oferecer um bônus a um dos seus empregados.

A transação que pretendia fazer não era através da rede do Bitcoin, mas através da Coinbase, e como tal seria meramente administrativa. A pessoa para quem a ia enviar, acrescentou, também tinha a sua conta verificada. De qualquer modo, ficou com a conta bloqueada, sem ter recebido qualquer explicação para tal.

Milne afirma que tentou ressubmeter as suas credencias na Coinbase para tentar fazer com que a sua conta fosse desbloqueada, mas nada resultou. Salientou ainda que o problema não tinha nada a ver com o Bitcoin ou a sua rede, mas com a empresa em si.

Coinbase sob fogo

É de notar que a Coinbase tem estado sob fogo nos últimos dias devido a uma aquisição controversa, e a alguns usuários que alegam que permitiu que houvesse insider trading antes de listar o XRP na sua plataforma.

A aquisição em causa foi a da Neutrino, e tinha como base utilizar a sua tecnologia para combater o uso de criptomoedas em atividades ilícitas como a lavagem de dinheiro. No entanto, pesquisa feita pelo analista Arjun Balaji revelou que a equipa do Neutrino estava associada a uma empresa que vendeu spyware a vários governos, sabendo que seria usado contra jornalistas e ativistas, e em abusos de direitos humanos.

Em protesto, vários usuários começaram a publicar fotos e vídeos em que apagam as suas contas na Coinbase sob a hashtage #DeleteCoinbase.

Como a empresa não permite a usuários apagar a conta quando ainda têm criptomoedas nas suas carteiras, foi criada a #CoinbaseTrustChain, para se poder enviar restos de carteiras a alguém que as guarde, para se poder apagar a conta. Alguns usuários afirmam que mesmo depois disto, a corretora não permite que as suas contas sejam apagadas.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Francisco Memoria
Francisco juntou-se à comunidade crypto em 2016, altura em que começou a escrever para várias publicações na área, incluindo Bitcoin.com, CCN, e The Merkle, entre outras. Apoia o libertarismo, e é grande fã e tecnologia.

“Bitcoin não me atrai”, diz André Esteves do BTG Pactual em áudio vazado

Um áudio vazado de uma conversa de André Esteves, banqueiro do BTG Pactual, deixou claro a opinião dele sobre o Bitcoin como um investimento. O...
Dúvida sobre o Bitcoin ser caçado pela China

China pode estar planejando cancelar proibição do Bitcoin

A China tem sido um dos países que mais aparece nos holofotes do setor financeiro, seja ele o tradicional ou então o criptomercado. Com...

Alemanha vai leiloar R$ 75,2 milhões em Bitcoin

O leilão de criptomoedas realizados por diferentes governos tem sido algo cada vez mais comum, e desta vez um estado da Alemanha vai leiloar...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias