Coinbase é processada por investidores de stablecoin enganosa

Investidores querem recuperar prejuízos que tiveram com investimento em moeda supostamente ligada ao Iene japonês.

Aplicativo da Coinbase com gráfico de desvalorização ao fundo
Aplicativo da Coinbase com gráfico de desvalorização ao fundo

A maior corretora dos Estados Unidos, a Coinbase, foi processada na última quinta-feira (12) por investidores de uma stablecoin supostamente enganosa. Quando compraram a moeda, eles imaginaram que o valor de mercado dessa seria ligada ao Iene japonês, o que não aconteceu.

Essa criptomoeda foi emitida pela empresa GMO-Z.com Trust Company, que afirma ter a primeira stablecoin japonesa e regulamentada do mundo.

O que chama atenção no caso é que os critérios de listagem de criptomoedas na Coinbase costumam ser rígidos. Mesmo assim, nos últimos anos a corretora tem aberto as portas para mais moedas, que passaram por fortes valorizações após serem listadas na plataforma.

Coinbase é processa por investidores de stablecoin supostamente enganosa

Em novembro de 2021, a Coinbase anunciou a listagem da criptomoeda GYEN, uma criptomoeda que carrega em seu nome uma referência ao YEN (Iene japonês).

Dessa forma, a criptomoeda deveria ser atrelada a moeda japonesa e manter seu valor estável, levando investidores a comprarem a moeda em suas negociações.

Após o anúncio da Coinbase, o preço de mercado da GYEN sair de 1 iene japonês para 2,69 ienes. Ou seja, uma moeda que deveria ser estável entrou em um forte movimento de alta repentina, que surpreendeu os investidores.

No entanto, o maior problema ocorreu quando a cotação da GYEN despencou novamente e rapidamente, levando os investidores a verem volatilidade em uma moeda aparentemente estável. Para piorar a situação, a Coinbase travou as negociações da moeda e impediu os investidores de venderem suas posses na alta, ocasionando prejuízos a eles.

Em novembro de 2021, a stablecoin japonesa GYEN valorizou e cai em poucos dias
Em novembro de 2021, a stablecoin japonesa GYEN valorizou e cai em poucos dias. CoinMarketCap.

Na última quinta, temendo após ver o colapso da criptomoeda Terra (LUNA) e TerraUSD (UST), os investidores protocolaram em um Tribunal de Justiça da Califórnia um processo contra a Coinbase. Eles alegam que a moeda estável japonesa é enganosa, de acordo com informações divulgadas pela Bloomberg.

Empresas citadas não comentaram sobre processo

Procurados para se manifestar pela reportagem, nem a Coinbase, nem a GMO-Z, se manifestaram sobre o assunto até o momento.

Vale lembrar que o colapso das stablecoins entrou na mira das autoridades dos Estados Unidos na última semana. A secretária do Tesouro, Janet Yellen, por exemplo, pediu regulamentações ao setor urgente para evitar que mais danos sejam causados a investidores.

A principal razão desses novos problemas envolvendo criptomoedas supostamente estáveis é que suas cotações não estão sendo seguras como deviam, sendo o colapso do UST um marco para investidores do mercado nos últimos dias. O CEO da LUNA, Do Kwon, chegou a pedir desculpas aos investidores e se diz de coração partido por causar sofrimento com sua invenção.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias