Como anda o mercado de aplicativos descentralizados (dApps)?

Cenário está animador para projetos existentes, para novos projetos nem tanto!

-

Siga no

Certamente o mundo percebeu que os aplicativos chegaram para revolucionar a experiência humana com o mundo. Isso porque, várias funcionalidades estão a palma da mão com o advento da tecnologia, que é cada vez maior. Pensando assim, A Consensys realizou um estudo mostrando como anda o mercado de aplicativos descentralizados da Ethereum (ETH).

Como anda o mercado de aplicativos descentralizados (dApps) em maio de 2019

As tecnologias têm tido uma crescente relevância na vida do ser humano atual. Os aplicativos são parte desse cenário, facilitando o acesso a serviços e produtos em um nível sem precedentes.

Os aplicativos descentralizados, dApps, surgiram com o advento da tecnologia blockchain, e, além disso, principalmente com a rede Ethereum. Esta última que foi a pioneira em imaginar e efetivamente proporcionar uma camada de aplicação descentralizada.

A Consensys, empresa ligada a comunidade Ethereum, realizou um estudo sobre a atividade dos dApps em maio de 2019. Além disso, buscaram mostrar os 20 maiores aplicativos em atividade na rede.

GitHub forneceu as métricas para estudo

Certamente o GitHub é uma das ferramentas mais importantes para mostrar o desenvolvimento dos projetos descentralizados. Isso porque, a maior parte das criptomoedas possuem uma tecnologia open source (código aberto).

Pelo relatório da Consensys, os 20 maiores dApps da rede Ethereum tiveram grande atividade em maio. Destes, 17 estão entre os 20 maiores do mundo, comparando inclusive com blockchains concorrentes.

Certamente a ferramenta State of DApps mostra alguns outros indicadores, não apenas da Ethereum. Por lá, interessados em comparar as diferentes redes blockchain podem extrair uma série de informações.

Finalmente, os três maiores projetos por atividade no GitHub, mostrando avanço no desenvolvimento foram: Status, Cosmos e Storj. Outros projetos que apareceram no ranking foram Aragon, Augur, 0x, Trust Wallet da Binance, entre outros mais.

ICOs não vão bem no mundo atual: Pouco ou nenhum valor agregado

Para Jimmy Song, um entusiasta das criptomoedas e influenciador digital do Bitcoin (BTC), os ICOs estão quebrados.

De acordo com um texto lançado no Medium por Jimmy Song no último dia 05 de junho, pouco valor tem sido agregado por ICO. Certamente, isso mostra que novos projetos de criptomoedas estão cobrando taxas para entregar pouco valor, o que o analista chamou de “Rent-Seeking”.

Para Song, os utility tokens criados por projetos tem tido pouco valor criado, mostrando pouca utilidade real. Com isso, o analista informou que muitos scams/pirâmides têm sido criados usando essa modalidade.

Finalmente, para quem pensa em criar um ICO atualmente, para financiar um dApps por exemplo, poderia utilizar uma moeda que já existe. Os novos projetos que criam suas próprias moedas o fazem de maneiras que não beneficiam usuários. Isso certamente afasta clientes dos aplicativos descentralizados, isso poderia ser um exemplo da baixa adoção aos mesmos.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Anúncio

Bitcointrade - 95% dos depósitos aprovados em até 30 minutos!

Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em 5 minutos!

Complete seu cadastro em 5 minutos!
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertolucci
Entusiasta e estudante de Bitcoin, graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Maior corretora de Bitcoin dos EUA se prepara para listagem pública no mercado de...

A Coinbase, maior corretora dos Estados Unidos e uma das principais do mundo, está se preparando para ser listada no mercado de ações, fazendo...
Atlético Mineiro

Criptomoeda do Atlético Mineiro foi pausada

Após dois anos do anúncio de sua criptomoeda, o Clube Atlético Mineiro afirma que o projeto foi pausado. Chamada de GaloCoin, a criptomoeda ainda...
Mapa da América do Sul no Globo

Bitcoin explode na América do Sul, na contramão do mundo

O Bitcoin é uma moeda digital que não tem nenhuma relação com nenhum governo, sendo totalmente descentralizada. Em meio à pandemia, o interesse no...