Como o Bitcoin pode tornar Michael Saylor o primeiro trilionário do mundo

Embora Michael Saylor esteja bem atrás, com apenas 2,6 bilhões de dólares, como mostrado na imagem acima, ele é o único que está apostando todas as suas fichas no Bitcoin, convertendo cada dólar que pode, esperando que o BTC torne-se uma moeda mais utilizada que qualquer outra.

Um estudo realizado pelo Protos, portal de notícias sobre criptomoedas, mostrou como Michael Saylor pode tornar-se o primeiro trilionário do mundo graças aos seus investimentos em Bitcoin.

Além de possuir bitcoin em sua própria carteira, cerca de 17.732 BTC (R$ 5,7 bilhões), Saylor também está apostando forte no Bitcoin através de sua empresa, a MicroStrategy, que com seus 121.044 BTC (R$39 bilhões) é a empresa pública com mais BTC em caixa.

Embora Saylor esteja bem atrás nesta corrida, com outros bilionários estando bem mais próximos de atingir esta marca, é possível que ele ultrapasse vários outros bilionários à medida que sua empresa continua comprando mais Bitcoin e continue valorizando.

Trilionários, graças ao governo

Conforme o número de bilionários tem crescido ao longo do tempo, chegando a 2.755 segundo a Forbes — em dólar —, é importante notar que isso é mérito de governos que com a inflação fazem o poder de compra das moedas estatais viraram poeira.

Por efeito de comparação, em 1917 existia apenas um único bilionário no mundo, John D. Rockefeller, magnata do petróleo. Com isso, agora estamos na corrida para quem será o primeiro trilionário, em dólar, da história.

Afinal, graças a desvalorização da nossa moeda, já existem pelo menos três trilionários em reais, caso convertermos sua fortuna para BRL. Eles são Elon Musk, Jeff Bezos e Bernard Arnault, com 1,6, 1,1 e 1 trilhão de reais, respectivamente.

Lista das pessoas mais ricas do mundo. Fonte: Protos

Michael Saylor pode ser o primeiro trilionário?

Embora Michael Saylor esteja bem atrás, com apenas 2,6 bilhões de dólares, como mostrado na imagem acima, ele é o único que está apostando todas as suas fichas no Bitcoin, convertendo cada dólar que pode, esperando que o BTC torne-se uma moeda mais utilizada que qualquer outra.

Segundo o relatório da Protos, para que Saylor seja o primeiro trilionário do mundo é preciso que ele corra contra o tempo, afinal é esperado que Musk ou Bezos atinjam esta quantia antes de 2026.

Além de precisar que o BTC suba para 728.600 dólares até 2025, aumentando seu valor por 13 vezes, a MicroStrategy também precisa continuar acumulando satoshis. Para ser mais exato, a empresa precisa ter 5.135.544 BTC em caixa, cerca de 42 vezes mais do que possui hoje, para que Saylor torne-se o primeiro trilionário.

Atingindo ou não esta marca, o que podemos analisar são as boas escolhas de Saylor até aqui. Os investimentos de sua empresa em BTC dobraram de valor, fazendo com que ela ganhasse 19 bilhões de reais.

Além da MicroStrategy, o Bitcoin também está ajudando pequenos negócios, como uma rede de restaurantes canadense que após começar a usar BTC como reserva de valor, fez seu caixa aumentar 460% em meio a um período de alta inflação no mundo inteiro.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias