Corretora de Bitcoin brasileira vai implementar Lightning Network

Adoção desta tecnologia pode ser fundamental para permitir micropagamentos com Bitcoin.

Siga no
Lightning Network do Bitcoin
Lightning Network do Bitcoin

A corretora de Bitcoin Walltime, conhecida na comunidade brasileira por ser uma das mais antigas e seguras, começou a se movimentar para ser a primeira a dar suporte a Lightning Network.

A rede que tem ganhado ampla adoção em todo mundo ainda não havia recebido o suporte de uma corretora brasileira. Vale o destaque que a maior parte das transações em El Salvador, com o aplicativo da Strike, utilizam a LN.

O Livecoins procurou o Diretor de Tecnologia da corretora, Felipe Mica, para entender mais sobre a iniciativa. Confira os detalhes do importante movimento a seguir.

Corretora de Bitcoin Walltima planeja aderir a Lightning Network
Corretora de Bitcoin Walltima vai aderir a Lightning Network/Instagram

Corretora de Bitcoin Walltime vai implementar Lightning Network

De acordo com uma publicação da empresa em redes sociais nesta quarta-feira (16), a Walltime deixou claro que as inovações do Bitcoin seguem sendo acompanhadas pela corretora, fundada em 2014.

No Brasil, essa foi uma das primeiras a dar suporte ao endereço Segwit, ainda em abril de 2018. Agora, a corretora de Bitcoin já planeja ativar a Lightning Network em suas negociações, favorecendo mais uma inovação importante da rede.

Na justificativa da empresa para implementar a tecnologia, foi informado que o Bitcoin nasceu para ser uma moeda que permite transações seguras e descentralizadas. No entanto, sua aplicação nas chamadas microtransações não é funcional, por conta das taxas de transação e tempo de confirmação na blockchain.

A Walltime então explicou que a segunda camada da rede poderá ajudar a mitigar o problema já detectado, com um protocolo também seguro e testado pelos programadores do Bitcoin. O nome do principal protocolo validado é a Lightning Network, ou rede relâmpago, que promete transações de Bitcoin com baixo custo e extremamente rápidas.

“Em breve, você poderá desfrutar dessa novidade na Walltime! Nossa equipe está trabalhando duro para trazer essa tecnologia de forma segura e madura para nossos clientes.”

Diretor de tecnologia da Walltime explicou adoção da Lightning

Em conversa com o Livecoins, Felipe Mica explicou que a Walltime será a primeira corretora brasileira a aderir a segunda camada do Bitcoin, a Lightning Network.

Apesar da novidade ser publicada nesta quarta, Mica disse que aguarda a ativação do Taproot na rede para implementar a Lightning Network por motivos de segurança.

“Ainda estamos em fase de testes e achamos que a LN ficará mais segura com a ativação da Taproot em meados de novembro. Por esse motivo não vamos lançar antes dessa ativação.”

O diretor da Walltime ainda declarou que vários clientes procuram pelo serviço, principalmente aqueles que negociam valores baixos. Além disso, Mica, como é conhecido na comunidade, afirmou que a principal vantagem da Lightning Network é a velocidade das transações, com depósitos e retiradas instantâneos e com preço muito baixo.

“Há procura por clientes menores, que operam valores menores e a porcentagem da taxa faz diferença. Para clientes maiores a vantagem maior será a velocidade. As vantagens são retiradas e depósitos instantâneos e quase gratuitos.”

Felipe ainda disse que hoje no mercado existem carteiras de confiança que dão suporte a Lightning Network, como a Phoenix, por exemplo, mesmo com a complexidade da rede. Ao se preparar para entrar na Lightning Network, a Walltime espera ser a primeira corretora de Bitcoin do Brasil a oferecer o suporte.

Por fim, a empresa com sede em Campinas se colocou a disposição para ajudar mais empresas a adotar o Bitcoin como meio de pagamento.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

TradingView: Mercado cripto ainda tímido, analistas otimistas

Após forte alta, mercado sofre breve retração, que não foi o suficiente para tirar as esperanças dos analistas. Confira os estudos do TradingView. Lorena Almada O...
Ethereum enfrentando o Bitcoin

Ethereum vai deixar Bitcoin “no chinelo” após atualização?

A rivalidade entre as comunidades do Ethereum e do Bitcoin voltaram a ganhar força nos últimos dias, com uma atualização do Ethereum sustentando rumores...

Estudo revela que 40% dos investidores em bitcoin esquecem suas senhas

Uma das partes mais importantes na hora de manter criptomoedas com segurança é guardar as senhas em um lugar seguro, no entanto, é ainda...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias