Corretora de criptomoedas assume vazamento de dados de clientes

No início deste ano, um jornalista afirmou ter verificado sua conta na OKX utilizando uma identidade falsa gerada por inteligência artificial (IA). Mais tarde, outro usuário disse que sua conta foi zerada por alguém que gerou um vídeo com IA copiando sua face.

A OKX, uma das maiores corretoras de criptomoedas do mundo, revelou nesta quarta-feira (12) ter sofrido um ataque onde dados de seus clientes foram vazados. Detalhando o ocorrido, a empresa afirmou que alguém falsificou documentos judiciais para obter essas informações.

O ocorrido já está sendo investigado por autoridades e a corretora afirma ter tomado novas medidas de segurança.

Embora não tenha revelado mais detalhes, o ataque pode estar relacionado ao caso onde um investidor alega ter perdido R$ 10 milhões em criptomoedas na semana passada. Na data, a vítima afirmou que os hackers geraram um vídeo com inteligência artificial (IA) para acessar sua conta.

Corretora OKX revela vazamento de dados de clientes

Segundo texto publicado pela OKX nas redes sociais, todas as vítimas já foram contactadas e estão satisfeitas com a resolução. Embora não tenha citado perdas financeiras, é possível que a corretora tenha ressarcido seus clientes caso isso tenha acontecido.

De qualquer forma, o que se sabe é que alguém falsificou documentos judiciais para obter dados pessoais dos clientes da OKX. Ou seja, o hacker teria enviado um mandado de busca ou um pedido de informação e a corretora forneceu todas as informações requisitadas.

“Foi verificado que alguém falsificou documentos judiciais para obter informações de alguns poucos clientes.”

“Otimizamos o processo de cooperação judicial, introduzimos mecanismos de verificação, aumentamos o nível de segurança da verificação facial com IA e, no futuro, vamos implementar um mecanismo de expiração para os endereços de verificação no catálogo de endereços para evitar que este tipo de incidente ocorra novamente”, continuou a OKX.

Informando que não pode divulgar mais detalhes sobre o assunto, a corretora destacou que o caso já está sob investigação das autoridades.

Finalizando, a OKX destaca que “não houve mais casos de contas de usuários sendo roubadas ou informações vazadas”. Portanto, a partir dessa declaração pode-se assumir que houve perdas de valores no ataque.

Mesmo que a culpa não tenha sido das vítimas, foi recomendado que todos os usuários usem verificação de duas etapas via Google Authenticator e não por meio de SMS.

IAs começam a incomodar corretoras

No início deste ano, um jornalista afirmou ter verificado sua conta na OKX utilizando uma identidade falsa gerada por inteligência artificial (IA). Mais tarde, outro usuário disse que sua conta foi zerada por alguém que gerou um vídeo com IA copiando sua face.

Segundo o novo depoimento da OKX, os hackers também usaram IA para se passar por autoridades governamentais.

Tal ataque não é nenhuma novidade, golpistas já usavam artimanhas como essa para espalhar fake news. De qualquer forma, a chegada dessa nova tecnologia mostra que esses ataque podem ser ainda mais nocivos.

Por fim, cabe à indústria se adequar à nova realidade em que vivemos. Afinal, é difícil acreditar que as IAs serão uma moda passageira ou que hackers não as aproveitarão.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Siga o Livecoins no Google News.

Curta no Facebook, TwitterInstagram.

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias

Bitcoin 2024

Últimas notícias