Corretora de derivativos de Bitcoin obtém primeira licença do mundo

Marco na história das criptomoedas!

Siga no

A exchange de derivativos de Bitcoin, Quedex, obteve a primeira licença do mundo para operar, concedida por Gibraltar. Com isso, o território, que é disputado por Espanha e Inglaterra, concedeu a permissão para o início das operações da corretora.

Cabe o destaque que a Quedex se torna assim a primeira exchange de derivativos de Bitcoin regulamentada do mundo. O anúncio foi realizado pela corretora no dia 31 de julho de 2019.

Corretora de derivativos se torna primeira a obter licença no mundo para operar Bitcoin

O disputado território de Gibraltar, ao sul da Espanha, tornou realidade um importante marco para as criptomoedas. Isso porque, de acordo com as leis locais, a exchange Quedex se torna legítima.

Isso indica que a Quedex passa a ser uma operação de criptomoedas legalizada. Desde janeiro de 2018, a Comissão de Serviços Financeiros de Gibraltar (GFSC) havia criado um ambiente de regulamentação no território.

Cabe o destaque ainda que, a Quedex oferece serviços de contratos futuros e de opções (F&O) em criptomoedas. A exchange demorou cerca de 15 meses para conseguir obter a sua licença de funcionamento.

Em nota, o Ministro do Comércio de Gibraltar afirmou que o território se coloca como destaque mundial neste campo.

Desde o início do processo, a Quedex demonstrou um admirável compromisso com a abordagem baseada em princípios de Gibraltar e estou contente por se juntarem ao crescente grupo de empresas licenciadas que operam a partir de Gibraltar. Neste espaço em evolução, eles fazem parte de uma forte linha de empresas licenciadas pela DLT (Lei DLT) que ajudarão a desenvolver a criptografia em uma indústria madura e sustentável e demonstrar que Gibraltar está liderando o caminho nessa indústria.

Contratos poderão ser utilizados por vários atores do ecossistema cripto

Os serviços oferecidos pela Quedex poderão ter vários interessados com regulamentação positiva. Isso porque, traders, hedgers, mineradores e investidores, em geral, podem sentir mais confiança com a nova operação.

Além disso, a exchange se pronunciou em comunicado oficial com ânimo para os investidores. Em nota oficial, a empresa afirmou que “agora há uma maneira de se proteger contra a volatilidade das criptomoedas em um ambiente regulado”.

A companhia deixou claro também que por hora apenas operações com Bitcoin são realizadas. Dito isso, a Quedex realiza trades apenas no par BTC/USD por hora. Entretanto, com o tempo e maturidade opções com altcoins poderão vir a ser oferecidas.

Finalmente, após o anúncio da corretora Quedex ser permitida a operar derivativos de Bitcoin, sendo a primeira a obter licença, mais operações poderão se regulamentar em breve. Cabe o destaque que empresas ligadas às finanças descentralizadas (DeFi) têm tido grande crescimento.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
CVM versus Coinbene corretora no Brasil

Corretora de criptomoedas anuncia fim de atividades no Brasil

A corretora global de criptomoedas Coinbene anunciou nesta segunda-feira (18) o fim de suas atividades no Brasil, devido a razões políticas "conhecidas". Está é segunda...
Martelo da Justiça e Bitcoin em destaque

Safra pede bloqueio de criptos em corretoras para cobrar dívida de posto de gasolina

O Banco Safra poderá pedir o bloqueio de criptomoedas em corretoras em um caso que envolve uma rede de postos em São Paulo que...

Primeiro ETF de Bitcoin nos EUA estreia nesta terça-feira

Embora muitos apontassem que o ETF da Valkyrie seria o primeiro a ser aprovado, a ProShares saiu na frente desta largada. Segundo a empresa,...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias