Criptomoeda do Telegram pode chegar em Março

Siga no

O Telegram pode lançar sua criptomoeda (Gram) em março deste ano, com o token fazendo estréia no Japão. De acordo com o jornal Russo The Bell, pessoas próximas do desenvolvedores da Gram acreditam que uma reunião com os principais investidores do projeto acontecerá dentro das próximas semanas – onde será apresentada uma demonstração da nova plataforma blockchain TON, do Telegram.

O relatório também afirma que a criptomoeda Gram pode ser lançada inicialmente na Ásia, a nova moeda digital “pode ver a luz do dia primeiro no Japão”.

O CEO do aplicativo de mensagens Telegram, Pavel Durov, afirmou na semana passada que “2019 será o ano mais importante da história para a empresa” que no ano passado arrecadou cerca de US $ 1,7 bilhão para a TON, o maior projeto do ecossistema blockchain.

Um comunicado recente do Telegram afirmou que o desenvolvimento da plataforma de Blockchain TON estava “90% pronto” e que a plataforma estaria pronto para uso no “início de 2019”. Mas a empresa admitiu que “um pequeno atraso de dois ou três meses” era possível, devido à “Natureza inovadora do projeto.” A empresa teve uma versão de teste da TON em setembro.

O projeto da Telegram pretende resolver uma das questões desafiadoras de escalabilidade da blockchain, desenvolvendo uma plataforma inteiramente nova que poderá processar milhões de transações por segundo, citando o uso de termos como “shards infinitos” e “roteamento hipercubo”. Em março de 2018, a Telegram possuía 200 milhões de usuários ativos.

Facebook também desenvolvendo criptomoeda

Conforme relatado pelo Livecoins, o Facebook também está desenvolvendo uma criptomoeda própria, ainda não se sabe todas as formas que a empresa vai permitir que usuários usem a moeda digital, mas uma das possíveis utilidades é como moeda de troca no Whatsapp, ou na própria rede social.

Uma criptomoeda do Telegram ou do Whatsapp vai permitir que seus usuários transfiram dinheiro para qualquer lugar do mundo pagando pequenas taxas.

Levando em conta que o dinheiro de papel está ficando cada vez mais em desuso, e as transferências entre bancos possuem altas taxas, é de se esperar que essas criptomoedas tenham grande aceitação do publico.

Eu mesmo, quando tiver uma criptomoeda em um aplicativo de mensagens, vou usar muito, vai ficar muito mais fácil enviar dinheiro. Sem ter que fazer DOC/TED no banco e pagar taxas absurdas.

Leia mais sobre:
Mateus Nunes
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Analista de Sistemas, entusiasta de criptomoedas e blockchain. Tradutor do site Bitcoin.org Sugestão de pauta: mateus@livecoins.com.br
Sede Capitual

Agora é possível fazer saque de criptomoedas em Banco24Horas

Agora é possível realizar saques de criptomoedas em caixas eletrônicos. A ação é resultado de parceria do Banco Capitual com a TecBan, que agora...
Gary Cohn

Ex-assessor de Trump diz que bitcoin não tem transparência

O ex-assessor econômico de Donald Trump, Gary Cohn, disse à Bloomberg em uma entrevista que o bitcoin não tem transparência e integridade. Gary é...
Diem Facebook

Criptomoeda do Facebook agora se chama Diem

O Facebook rebatizou a sua criptomoeda e a Libra agora se chama “Diem”. A mudança de nome tem como objetivo receber aprovação regulatória. Diem...

Últimas notícias

Ex-assessor de Trump diz que bitcoin não tem transparência

O ex-assessor econômico de Donald Trump, Gary Cohn, disse à Bloomberg em uma entrevista que o bitcoin não tem transparência e integridade. Gary é...

Criptomoeda do Facebook agora se chama Diem

O Facebook rebatizou a sua criptomoeda e a Libra agora se chama “Diem”. A mudança de nome tem como objetivo receber aprovação regulatória. Diem...

“Bitcoin deu Touro de Ouro”, aponta Pablo Spyer

O "tourinho" chegou ao mercado de criptomoedas, na visão do famoso analista Pablo Spyer, diretor da corretora Mirae. Na manhã desta terça-feira (1), ele...