Criptomoedas centralizadas

As criptomoedas são centralizadas ou descentralizadas. Ambos os tipos de redes existem atualmente e você provavelmente já interagiu ou ouviu falar de pelo menos uma delas.

Plataformas centralizadas exigem que todos os dados passem por um ponto singular. Ou seja, você não pode enviar ou receber qualquer informação sem passar por esse único ponto, que geralmente é um servidor.

Ao contrário das plataformas centralizadas, as plataformas descentralizadas não exigem que as informações passem por um único ponto.

Várias criptomoedas possuem o conceito de centralização desde sua documentação técnica, outras não deixam isso tão claro, neste sentido, é preciso analisar a blockchain da cripto através do block explorer para identificar o quão centralizada uma criptomoeda realmente é, isso é, quais carteiras possuem a maior quantidade de moedas.

O site https://arewedecentralizedyet.com/ faz esta análise e exibe informações das criptomoedas mais centralizadas no momento. Para rankear as cripto, o site analisa a quantidade de moedas detidas pelos 100 maiores endereços.

Confira abaixo as criptomoedas mais centralizadas:

criptomoedas centralizadas
Criptomeodas mais centralizadas

Ripple costuma ser odiada por boa parte da comunidade de criptomoedas por ser centralizada e por possuir apoio dos bancos, como é possível ver na imagem acima, 98% das moedas estão nas mãos de apenas 100 carteiras.

Nano surpreende com 63%, boa parte se deve ao fato de que Nano já foi toda distribuída e uma boa parte encontra-se em poder das exchanges, aqui fica um alerta pois NANO possuí um ponto de falha a ataques de +51%.

IOTA nasceu pra ser centralizada e por este motivo foi odiada por muito tempo, mas a cripto tem um propósito de ser a moeda da IoT, não possui mineração e tem uma empresa que controla a rede.

Litecoin é outra cripto que deve ser observada com cuidado, com uma porcentagem tão grande assim centralizada, é bom ficar de olho para um possível bump.

Bitcoin Cash surpreende, Roger Ver, criador da Bcash afirma que a moeda é mais próxima do que foi proposto por Satoshi Nakamoto no whitepaper do Bitcoin, mas, olhando por este ponto de vista não parece tão verdade assim, Bcash possui um percentual de 25% em apenas 100 carteiras.

Bitcoin também possui um número curioso, 19% centralizados, isso enfatiza como algumas pessoas, provavelmente os “early adopters” detém grandes quantidades de moedas em um  “eterno” Hodl.

O site permite visualização das carteiras monitoradas e é possível ver que ele leva em consideração as moedas que as exchanges tem em posse.

Carteiras bitcoin com maior bitcoin

Se você queria saber qual moeda é centralizada, visite o site e fique atualizado.

-

BitcoinTrade

A BitcoinTrade é a melhor solução para compra e venda de criptomoedas. Negocie Bitcoin, Ethereum e Litecoin com total segurança e liquidez. Acesse agora ou baixe nosso aplicativo para iOs ou Android: www.bitcointrade.com.br

-