Início Altcoins Criptomoedas fazendo história (mesmo)

Criptomoedas fazendo história (mesmo)

-

Criptomoedas

O que por muito tempo parecia algo distante para uma legião de entusiastas e programadores finalmente está virando realidade: desde a semana passada a tecnologia blockchain vem dominando a agenda política em Washington, DC, a capital dos Estados Unidos.

Primeiro foi a vez de Jerome Powell, presidente do banco central americano. Na quarta-feira passada o comitê de política monetária do congresso ouviu do presidente do Fed que, da forma como o governo está organizado hoje em dia, não há estrutura administrativa para exercer a fiscalização da criptomoeda do Facebook, a Libra. 

Segundo ele nenhuma agência do governo teria a autoridade e o alcance necessários para proteger a privacidade do consumidor e garantir a estabilidade financeira da economia. Ressaltou ainda que essa realidade vem sendo vivenciada pelos bancos centrais da França, Inglaterra, China e Singapura, como também o ECB, o banco central da união européia, com os quais o Federal Reserve vem trabalhando em parceria.

“Precisamos examinar cuidadosamente os riscos (…). Essa ideia de que isto [criptomoeda Facebook-Libra] será implementada em 12 meses não me parece verdadeiro [sic]. Precisaremos de mais tempo.” Jerome Powell, Federal Reserve

Na sexta foi a vez do próprio presidente dos EUA, Donald Trump dar a sua tuitada, criticando os cripto ativos de forma impulsiva, impulsividade esta que já virou a sua marca registrada. Contudo, a repercussão foi mais que positiva. Sem querer o presidente americano acabou reconhecendo a importância da tecnologia blockchain, incluindo o bitcoin e as criptomoedas na pauta da campanha presidencial de 2020 que já começa a esquentar.

“Não sou fã do bitcoin e outras criptomoedas, as quais não são dinheiro, e cujo valor é altamente volátil, como se fossem feito de vento” Donald J. Trump, presidente dos EUA

Ontem, terça-feira dia 15 de Julho, foi a vez do secretário do tesouro Steven Mnuchin, juntar-se ao grupo dos críticos do projeto Libra do Facebook. Falando da Casa Branca Mr. Mnuchin destacou sua preocupação com a lavagem de dinheiro e o aumento de atividades ilícitas. Para ele, sem o devido controle e fiscalização o Facebook acabaria promovendo uma série de crimes, como sequestros seguidos de resgate em criptomoeda. 

“De fato, é uma questão de segurança nacional”, declarou o secretário aos repórteres quando ainda dentro da Casa Branca. “Não permitiremos que provedores de carteiras digitais operem nas sombras” finalizou.

E hoje, quem terá a palavra para testemunhar perante o comitê de assuntos bancários do senado americano é próprio vice presidente do Facebook, David Marcus. Neste estágio, o executivo vem se posicionando de forma contraditório ao lema “mova-se rápido e quebre tudo”, o preferido de Mark Zuckerberg. Em nota para o Washington Post declarou que o Facebook não irá em frente com o projeto sem a aprovação do governo. 

O testemunho formal por escrito do executivo, quem também é o responsável pelo projeto Libra, já foi protocolado e está à disposição do público. Porém, o suspense ainda permanece porque não se sabe ao teor das perguntas que os senadores farão. Será uma audiência agitada, disso ninguém duvida.

Nas próximas horas teremos as reações e a repercussão do depoimento. Mas para quem acompanha o assunto, o fato de ver a tecnologia blockchain fazendo parte de um amplo debate já é um ótimo resultado. Como se costuma dizer por aí, má publicidade ainda é boa publicidade.

Por Pascual Ariel Arrechea | Para saber mais sobre blockchain, criptomoedas e tecnologia, visite meu site ou acompanhe no QUORA.

Anúncio

Nexo

Empréstimos na hora por transferência bancária usando sua criptomoeda como garantia sem vendê-la. Ganhe juros de até 8% ao ano em suas Stablecoins.

Comece agora
Curta nossa página no Facebook e também no Twitterpara começar e terminar o dia bem informado. Cadastra-se também na Newsletter para receber em seu e-mail.
Avatar
Pascual Arrecheahttp://www.arrechea.net
Economista, contador, especialista em blockchain Investigando a tecnologia blockchain, RPAutomação, e o mercado de trabalho em tempos de Internet 3.0. Quero dividr meus achados e pensamentos pra tentar entender a tal criptoeconomia. “Play is just another version of work” Ray Kurzweil, The Singularity is Near

Veja também

Diretor jurídico da Unick se entrega e cumpre prisão em casa com tornozeleira eletrônica

Fernando Marques Lusvarghi, diretor jurídico da Unick e dono da SA Capital se entregou para a polícia no último dia 22 (sexta). Ele era...

Mãe e ex-cunhada do “rei do bitcoin” são sequestradas, amarradas e ameaçadas de morte

A mãe e a ex-cunhada do empresário Claudio Oliveira, dono do Grupo Bitcoin Banco – empresa de criptomoedas que deve R$ 616 milhões a...

Prosegur foi atacada por ransomware que pede Bitcoin como resgate

A empresa de segurança Prosegur foi atacada por um ransomware, que pede resgate em Bitcoin. Os softwares da empresa na área de telecomunicações foram...

Justiça de SP determina bloqueio de mais R$ 532,7 mil da Genbit

A Justiça de São Paulo determinou o bloqueio de mais R$ 532,7 mil da Genbit, exchange que promete rendimentos de 5% a 15% mensais,...

Preço do Bitcoin pode ter segundo melhor natal de todos os tempos

O Bitcoin tem visto o natal de 2019 cada vez mais próximo, com seu preço flutuando entre U$ 7,300. Contudo, o que pouca gente...

Receita Federal foi informada de R$ 14 bilhões de operações com criptomoedas no Brasil

De acordo com a Receita Federal do Brasil, segundo informações do G1, mais que R$ 14 bilhões de operações com criptomoedas foram informadas em...

Escreva seu comentário:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Diretor jurídico da Unick se entrega e cumpre prisão em casa com tornozeleira eletrônica

Fernando Marques Lusvarghi, diretor jurídico da Unick e dono da SA Capital se entregou para a polícia no último dia 22 (sexta). Ele era...

Mãe e ex-cunhada do “rei do bitcoin” são sequestradas, amarradas e ameaçadas de morte

A mãe e a ex-cunhada do empresário Claudio Oliveira, dono do Grupo Bitcoin Banco – empresa de criptomoedas que deve R$ 616 milhões a...

Prosegur foi atacada por ransomware que pede Bitcoin como resgate

A empresa de segurança Prosegur foi atacada por um ransomware, que pede resgate em Bitcoin. Os softwares da empresa na área de telecomunicações foram...

Justiça de SP determina bloqueio de mais R$ 532,7 mil da Genbit

A Justiça de São Paulo determinou o bloqueio de mais R$ 532,7 mil da Genbit, exchange que promete rendimentos de 5% a 15% mensais,...