Ex-jogador do Real Madrid é o primeiro a assinar contrato pago com Bitcoin

Todo o procedimento foi intermediado pela Criptan, uma plataforma facilitadora de compras com criptomoedas.

Siga no

O Bitcoin continua se tornando uma ferramenta para diferentes tipos de pagamentos, e não estamos falando apenas de transferências entre duas pessoas, já que a moeda digital agora foi utilizada para uma transferência de um jogador de futebol. David Barral, que ganhou fama no Real Madrid, assinou contrato com outro time e teve seu contrato pago em Bitcoin.

Toda a transação de David foi negociada, e paga, com bitcoins. Esta é a primeira vez que um jogador faz um acordo da transferência e é pago com a criptomoeda.

De acordo com informações do site britânico The Sun, o anúncio foi através do Twitter oficial do time, que tem como dono do clube, Thibault Courtois, também estrela do Real Madrid.

No anúncio o clube afirmou que David Barral chegava como reforço, e que todo o acordo foi feito utilizando a maior criptomoeda do mundo.

“Oficial! David Barral assinou com o International Madrid. Ele assinou para esta temporada, com a opção de renovar para mais uma, jogando a 2ª divisão B. A Transferência foi feita com criptomoedas.

Pagamento histórico

O uso da criptomoeda para realizar o contrato não foi feito de forma direta entre os lados envolvidos. Todo o procedimento foi intermediado pela Criptan, uma plataforma facilitadora de compras com criptomoedas.

O time não informou o valor da transferência ou se os próximos acordos também serão pagos utilizando ativos digitais.

No entanto, vale mencionar que a transação, que pode ser considerada histórica, foi feita justamente após o International Madrid ter se tornado parceiro do DUX Gaming, uma empresa ligada a jogos eletrônicos e eSports.

Isso indica que o time está mais disposto a adotar uma postura mais tecnológica no futuro. Sendo assim, é possível que essa não seja a única contratação utilizando esses ativos.

Apesar de não ser um jogador de primeira divisão, David Barral teve um período de alguns meses no Real Madrid, considerado um dos times mais importantes de todo o mundo e um dos maiores nomes do esporte, além de ter jogado em diversos outros times da primeira divisão.

No mês passado o jogador da NFL, Russell Okun, anunciou que receberá metade de seu contrato de US$ 13 milhões (R$ 67 milhões) em Bitcoin. O jogador de 32 anos é o primeiro da liga esportiva profissional de futebol americano dos Estados Unidos a ser pago com a moeda digital.

Quem sabe não veremos esse tipo de transação ficando mais frequente? Afinal, já tivemos até mesmo diferentes projetos de criptomoedas e ativos digitais sendo lançados por times e jogadores de futebol também possuem interesse em aproveitar essa onda do Bitcoin.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Tesla. Imagem: Shutter Stock

Elon Musk diz que Tesla voltará a aceitar Bitcoin

A Tesla começará a aceitar Bitcoin novamente quando a maior parte do processo de mineração da criptomoeda for realizado por fontes de energia renováveis,...
Bitcoin regulação. Imagem: ShutterStock

Deutsche Bank diz que Bitcoin “passou dos limites” e não pode mais ser ignorado

A popularidade crescente do Bitcoin está incomodando governos e bancos centrais. A gota d'água foi a legalização da criptomoeda em El Salvador. De acordo...
Bitcoin Liberdade

Bitcoin, o novo Índice de Liberdade Econômica

Bitcoin pode ser a medida de liberdade mais neutra do mundo que nenhum país pode acusar de ter preconceito ocidental, ao contrário de alguns...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias