Empresa cria nota de Bitcoin, veja como funciona

Segundo empresa, a proposta é tornar o bitcoin mais acessível para todos.

Empresa promove nota física de bitcoin
Empresa promove nota física de bitcoin. Reprodução

Uma empresa apresentou nos últimos dias uma nota física de bitcoin, que poderia facilitar meios de pagamento com a moeda digital. Segundo seus idealizadores, com notas em espécie o bitcoin seria mais fácil de ser armazenado por qualquer pessoa.

Os três fundadores afirmam possuir experiência em hardware, IoT, e tecnologias, criando assim a empresa Offline Cash. Essa organização então patenteou uma forma de se emitir nota em espécie, com uso de tecnologias.

A ideia seria unir a facilidade de se pagar com dinheiro em espécie, com a possibilidade de o bitcoin presente na nota ser realmente repassado durante a transação.

Nota de Bitcoin é criada e patenteada por empresa, será que funciona?

Quando Satoshi Nakamoto criou o bitcoin, seu projeto previa um projeto de moeda digital de ponto a ponto, ou seja, não há na visão inicial nada que relacione essa tecnologia ao meio físico.

Com o tempo, empresas colocaram bitcoin em cartões de crédito e tentaram dar mais facilidades para os meios de pagamentos. Mas na última terça-feira (7), o projeto de nota de bitcoin foi apresentado ao mundo, um papel colorido que teria supostamente segurança no armazenamento da moeda.

Segundo seus idealizadores, as notas são impressas com grande tecnologia, com um chip embutido. Assim, o bitcoin armazenado com multisig pode ser validado por um NFC por qualquer pessoa que queira saber se há BTC na nota.

Forma de verificar se bitcoin está dentro da nota com NFC
Forma de verificar se bitcoin está dentro da nota com NFC. Reprodução.

Dessa forma, a nota seria verificável e os usuários saberiam se ela realmente tem o lastro que promete ter. As primeiras versões da nota serão de 1, 2, 5 e 10 mBTC, vendidas em pacotes de 2100.

“Uma criptomoeda física pode compreender um meio físico e um processador conectado. O processador pode gerar um par de chaves pública-privada ou o par de chaves pública-privada pode ser gerado de maneira segura e auditável externamente ao processador e armazenado no processador. A chave privada pode permitir a execução de um contrato inteligente em um blockchain para transferir um ativo de um endereço inicial para um endereço de destino no blockchain.”

É claro que a aposta da empresa é que as notas serão utilizadas como meio de pagamento ou guardadas para posteridade. Caso o dono da nota queira resgatar o bitcoin depositado nela é possível, mas isso tiraria o valor da nota no momento, segundo os idealizadores do projeto.

Cofundador diz que crianças e idosos poderiam ter bitcoin de forma mais fácil com nota

Um dos cofundadores do projeto afirma que com a Nota Bitcoin, qualquer pessoa pode ter a moeda digital, sem se preocupar com senhas.

Dinheiro é a forma mais comum de pagamento ponto a ponto, mas anteriormente era inviável emitir notas em dinheiro de forma auto-custódia, confiável e verificável. A Nota Bitcoin usa o mesmo tipo de técnicas de impressão que o dinheiro emitido pelo governo com um chip seguro adicionado. Combinamos acessibilidade e portabilidade em quatro denominações a partir de 1/1000 de um Bitcoin. Agora todos, de crianças a avós, podem usar e manter Bitcoin sem a necessidade de contas ou senhas.

Como o projeto é novo, a comunidade ainda não sabe se a “inovação” é séria e responsável, mas de qualquer forma o lançamento chamou atenção.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias