Estudantes desenvolvem plataforma em blockchain que ajuda no combate ao coronavírus

Chamado de Immuno Lynk, o projeto auxilia profissionais na linha de frente da Covid-19 a monitorarem suas condições de saúde.

-

Siga no
Anúncio

Estudantes da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) desenvolveram uma plataforma baseada em blockchain que ajuda profissionais da saúde a identificar o grau de exposição ao coronavírus.

Por causa da iniciativa, o mestrando em Engenharia Mecânica Ruan Comelli e os alunos da graduação em Engenharia Eletrônica Kauê Cano e Matheus Tosta foram premiados em duas competições internacionais.

Na Planet Wide SOS Hackathon, eles ficaram em primeiro lugar. Já na COVIDathon – Decentralized AI Hackathon, eles alcançaram o segundo lugar. Ambas as competições foram promovidas pela Devpost, uma plataforma que ajuda engenheiros de software a participar de hackathons.

O que faz a plataforma baseada em blockchain que ajuda a combater o coronavírus?

Anúncio

O projeto criado por eles é baseado em blockchain e inteligência artificial. Chamada de Immuno Lynk, a plataforma auxilia profissionais na linha de frente da Covid-19 a monitorarem suas condições de saúde.

Conforme o projeto, o profissional de saúde basicamente precisa inserir na plataforma questionários sobre estado de saúde e exposição ao coronavírus, além de testes de anticorpos.

Ao serem inseridos, esses questionários e testes são processados por uma rede de inteligência artificial.  Essa rede é capaz de interpretar os resultados tão bem quanto médicos bem treinados, disse o estudante Ruan Comelli ao site da UFSC.

“Tanto os questionários quanto os testes são processados por modelos de inteligência artificial desenvolvidos pela equipe. Como saída desse processamento, o usuário obtém uma estimativa de quando ele deve fazer um novo teste, bem como uma avaliação da sua imunidade”.

Ainda segundo Renan, a plataforma fornece estimativas dos possíveis riscos a que os profissionais estão submetidos. Vale reforçar que, por causa da tecnologia blockchain, o aplicativo garante a privacidade e a segurança dos dados.

Plataforma em blockchain também ajuda gestores de saúde

Além de ajudar o próprio profissional a monitorar sua saúde, a plataforma baseada em blockchain também é uma ferramenta para gestores de hospitais, clínicas e outros centros.

Isso porque eles têm acesso a uma interface com as informações de imunidade à Covid-19 dos trabalhadores, disponibilizadas de acordo com as legislações de privacidade e sigilo.

“Com base nisso, as organizações podem tomar decisões importantes como o afastamento ou a realocação de profissionais, assim como podem pedir o retorno de empregados que se mostrem imunes”, disse Renan ao site da UFSC.

A descrição da plataforma de blockchain que ajuda a combater o coronavírus pode ser encontrada neste link. Já a interface do projeto pode ser vista aqui.

Covid-19 já tirou a vida de 65 mil pessoas no Brasil

Até a noite da segunda-feira (6), 65.487 pessoas perderam a vida no Brasil por causa do coronavírus, segundo dados do Ministério da Saúde. Foram 620 mortes só nas últimas 24 horas.

Ainda de acordo com o órgão, o número de pessoas infectadas com a doença no país chegou a 1,6 milhão. Do total de infectados, 927 mil já se recuperaram e 630 mil ainda estão em acompanhamento.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Leia mais sobre:
Lucas Marins
Lucas Marins
Jornalista desde 2010. Escreve para Livecoins e UOL. Já foi repórter da Gazeta do Povo e da Agência Estadual de Notícias (AEN).
Ministério da Justiça - Palácio

Ministério da Justiça promove a blockchain no setor público

Na próxima segunda-feira (21), o Brasil acompanha um webinário importante sobre tecnologia. Promovido pelo Ministério da Justiça, a tecnologia blockchain aplicada ao setor público...
Moeda digital Bitcoin em destaque com fundo preto

MPF destaca evento sobre Bitcoin feito pela Interpol

Autoridades de todo o mundo buscam entender mais sobre as criptomoedas e o Bitcoin. Em um evento na próxima semana, feito com apoio da...
Carvão e tecnologia blockchain

Minas Gerais lança projeto blockchain para controle de carvão

O carvão é considerado um dos principais recursos naturais para obtenção de energia no mundo. Dessa forma, um dos estados que o produz no...

Últimas notícias

MPF destaca evento sobre Bitcoin feito pela Interpol

Autoridades de todo o mundo buscam entender mais sobre as criptomoedas e o Bitcoin. Em um evento na próxima semana, feito com apoio da...

Minas Gerais lança projeto blockchain para controle de carvão

O carvão é considerado um dos principais recursos naturais para obtenção de energia no mundo. Dessa forma, um dos estados que o produz no...

Investidores se confundem e compram criptomoeda errada que valoriza 500.000% com confusão

Recentemente o projeto Uniswap (UNI) tem ganhado muito a atenção dos investidores, principalmente após ter sido listado na Coinbase, a maior corretora de bitcoin...