Ethereum é a nova Appstore, diz diretor da Microsoft

Muitos titãs atuais da web2 apontaram que se estivessem construindo a web2 agora, incorporariam as criptomoedas em seus projetos.

Siga no

Yorke Rhodes, Diretor de Transformação Digital da Microsoft nos últimos sete anos, previu corajosamente que o Ethereum se tornará a nova ‘loja de aplicativos’ em apenas dois anos.

“Previsão: Ethereum se tornará a Appstore descentralizada em 2023”

A frase acima foi dita por ele em agosto, argumentando que enquanto o ETH tem taxas baixas, a Appstore, da Apple, tem participação nos lucros dos aplicativos.

Isso implica que Rhodes acredita que o Ethereum irá escalar nos próximos dois anos, presumivelmente por meio de tecnologias de conhecimento zero (ZK-proof) ou plasma.

Ethereum AppStore

O Ethereum tem outras vantagens, diz Rhodes, já que não há “bloqueio de aplicativos pela Apple, nenhum ponto único de controle por uma grande empresa e o ETH é distribuído, descentralizado, com login único em aplicativos e também pode ser usado para pagamentos, verificação de identidade e comércio.”

Essa ideia que era não comum, até alguns meses atrás, está começando a se tornar um pouco popular nos altos escalões do Vale do Silício por conta do metaverso.

Muitos titãs atuais da web2 apontaram que se estivessem construindo a web2 agora, incorporariam as criptomoedas em seus projetos.

Muitos, portanto, esperam que a nova onda, o metaverso ou web3, conte com a inclusão de criptomoedas de alguma forma. Ben Thompson, um ex-funcionário da Microsoft, comentou em seu blog Stratechery:

“Este é o tipo de função que as blockchains preencherão: fornecer exclusividade e portabilidade quando necessário, de uma forma que possibilite não apenas viver sua vida inteiramente online, mas viver tantas vidas simultaneamente quanto você desejar, trancado no nada.”

A Nova Internet

Não é de admirar, portanto, que Tim Cook finalmente se preocupou, depois de tantos anos, em dizer ao mundo que ele tem possui bitcoin. Entendemos isso como um sinal de que a Apple está de olho na inovação. Eles estão acompanhando o Facebook e a Microsoft.

Zuckerberg, CEO do Meta, que possui um bode chamado Bitcoin — talvez com a intenção de matá-lo para comer —, claramente tem criptomoedas em algum lugar na estratégia de expansão de seus negócios.

Ele está ou estava tentando fazer com que essa “criptomoeda” seja sua criptomoeda, visto o caso da Libra/Diem, mas nós vimos muitas reviravoltas neste espaço, então talvez possamos dizer, com arrogância, que Mark Zuckerberg cometeu um erro de principiante ao tentar entrar neste setor há dois, três anos atrás.

Porque algo como identidade ou propriedade não pode outra coisa se não uma blockchain pública descentralizada, pertencente e controlada pelo público. Do contrário, o projeto será interrompido porque ele pode ser interrompido, como aconteceu com a Libra.

Já a Microsoft, eles meio que estão flertando com o Ethereum desde 2016 e nunca estiveram na frente de qualquer coisa no espaço das criptomoedas. Eles são uma caixa preta para nós em alguns aspectos, e novamente seu valor de mercado já está próximo ao da Apple.

O que eles realmente planejam ainda não está muito claro, exceto que parece muito provável que blockchain, para eles, signifique blockchain pública quando se trata de propriedades na web3 ou no metaverso.

Se for assim, então Zuckerberg realmente não terá escolha a não ser optar por uma blockchain pública, ou seja, então veremos uma loja de aplicativos descentralizada que pode não apenas competir como também superar a AppStore da Apple.

Do jeito que está, o Ethereum já tem uma espécie de loja e aplicativos, embora descentralizada e com muitas interfaces controladas por diferentes entidades, em vez de uma grande loja única.

No entanto, este ainda é um nicho pequeno no panorama geral, porém em dois anos, de acordo com nossas estimativas, ele será capaz de começar a escalar e, passando para o público mainstream. Apesar disso, embora dois anos passem voando, será difícil que o Ethereum ameace a AppStore da Apple nesse período.

O Grande Upgrade

Mas o que importa é a tendência, e não o prazo, e a tendência parece ser um tanto clara. A propriedade digital está tornando-se popular, e os gigantes da tecnologia começaram a reconhecê-la, construindo produtos e serviços baseado nela.

Mais do que uma previsão, portanto, essa é uma identificação de uma tendência. As pessoas estão construindo aplicativos no Ethereum e, portanto, o Ethereum é uma loja de aplicativos, e essa loja tem certas vantagens, e por causa delas, o ETH é a onde todos querem e precisam estar.

Esta fala vinda da Microsoft, que também está trabalhando no metaverso, e com Rhodes parecendo ser um grande entusiasta de NFTs, também sugere que a nova internet será construída sobre o Ethereum.

Não literalmente nele, mas o protocolo de código aberto será o padrão para identificação de propriedade. Uma maneira mais simples de dizer a mesma coisa é: ele será a nova loja de aplicativos do mundo.

Então, aparentemente tudo está se encaixando e, portanto, estamos entrando no estágio que talvez deva ser chamado de A Grande Atualização, no qual a internet, com todas as coisas nela, atualiza-se para a integração do dinheiro ou propriedade digital, fazendo com que a blockchain torne-se este TCP/IP para a identidade digital.

Um endereço ETH em cada celular, em cada computador, talvez até em cada carro. Basicamente uma re-arquitetura da própria internet, que assim já seria caso aqueles titãs tivessem acesso as criptomoedas quando construíram a web2..

O que significa que o Ethereum não é uma loja de aplicativos, esta loja é apenas um aplicativo na Ethereum. Desta forma, o Ethereum é a própria internet.

Nós falamos Ethereum, porém o que nós queremos dizer é uma blockchain pública descentralizada, comprovada pela capacidade de que qualquer um possa fazer um fork dela.

Isso porque, é difícil prever detalhes como de como será o Ethereum nesta era na qual estamos entrando, afinal embora hoje ele seja um padrão, também pode ser substituído, embora seja o mais forte candidato para esta mudança.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Há mais de 5 anos trabalhando com criptomoedas, hoje escrevo artigos e notícias para o Livecoins.

Entenda o que é Smart Contract, a tecnologia que veio pra ficar!

Os produtos e serviços tradicionais estão sofrendo fortes mudanças decorrentes da transformação digital, criando instrumentos inteligentes para as empresas e nosso cotidiano. Carros autônomos, robôs...
Pedro Cerize, gestor de fundos brasileiro e sócio da Skopos

Gestor de fundos brasileiro critica CFA por incluir criptoativos em prova

Um famoso gestor de fundos brasileiro criticou a instituição responsável pela certificação Chartered Financial Analyst (CFA) por incluir criptoativos na prova. Como uma prova...
Símbolo do Bitcoin próximo do McDonalds

Queda do Bitcoin faz presidente de El Salvador postar foto como funcionário do McDonald’s,...

A queda do Bitcoin nos últimos dias afetou duramente o mercado, levando o presidente de El Salvador a postar uma foto usando "uniforme" do...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias