Ex-consultor da Wells Fargo é acusado de operar esquema de pirâmide

Siga no

A Wells Fargo é uma das empresas de crédito financeiro mais conhecidas e mais importantes dos Estados Unidos. Um de seus antigos consultores financeiros foi acusado de ser um dos líderes de um esquema de pirâmide que arrecadou US$33 milhões em um golpe focado em médicos da Flórida.

O representante registrado, James Seijas, que foi acusado de fazer parte do esquema de pirâmide, trabalhou como consultor financeiro para a Wells Fargo de 2013 até 2019, de acordo com o site Investment News.

Seijas, junto de outro negociante chamado Michael Ackerman e o médico Quan Tran, criaram um grupo de negociação com criptomoedas chamado “Q3 Trading Club”. O esquema teria operado de 2017 até dezembro de 2019, de acordo com informações apresentadas em um processo movido contra os líderes.

Segundo os reclamantes, o trio disse que o dinheiro arrecadado seria usado para investir em criptomoedas utilizando um algoritmo proprietário desenvolvido por Ackerman.

Tais golpes com algoritmos milagrosos são bem comuns no criptomercado, alguns até usam a imagens de celebridades para tentar passar credibilidade.

Mais de 100 pessoas e entidades, muitas ligadas à medicina, foram induzidas a investir no tal algoritmo, que não passava de um clássico golpe ponzi, onde o dinheiro de investidores novos era utilizado para pagar os antigos.

Mesmo assim, os reclamantes afirmam que a maioria do dinheiro foi gasto de forma indevida pelos líderes.

Enquanto o ex-consultor da Wells Fargo, James Seijas, e Akcerman utilizaram o seu passado ligado ao mercado financeiro para gerar confiança, Quan Tran usou a sua posição como cirurgião para incentivar outros médicos.

Apesar de Seijas não ser mais membro dos consultores financeiros da Wells Fargo, não se sabe o quanto ele usou essa posição para ludibriar investidores. A Wells Fargo Services chegou a ser mencionada no processo aberto pelos clientes prejudicados do golpe.

No entanto, segundo o Investment News, uma porta-voz da empresa disse que a companhia não tem nenhuma informação para compartilhar com a imprensa.

Promessa de 15% de retorno ao mês

Pirâmide de Ouro
Cuidado com as pirâmides e seus faraós.

Os advogados de Quan Tran e de Seijas não responderam às perguntas feitas pelo site de notícias.

Em fevereiro desse ano o Departamento de Justiça de Flórida acusou Ackerman de fraude e lavagem de dinheiro. Seijas e Tran não foram formalmente acusados até o momento.

Um outro detalhe muito importante é que um dos chamativos do esquema era um retorno de 15% ao mês com o investimento passivo no tal do algoritmo. Esse tipo de retorno é bem alto e é algo que deve sempre gerar desconfiança quando falamos em investimento em qualquer mercado.

É importante cuidar do seu dinheiro, sempre. Por isso fuja de todas as promessas milagrosas e principalmente daquelas que oferecem ganho fixo em um mercado variável. Casos como a FX Trading, Midas Trend, Unick Forex e vários outros também faziam esse tipo de promessa.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Matheus Henrique
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Investidores confundem “bitcoin gold” com BTG Pactual e moeda dispara 200%

O valor da criptomoeda bitcoin gold (BTG), que surgiu em 2017 como uma cópia do Bitcoin, valorizou 200% nos último 7 dias. O motivo...

XRP sobe 200% em 30 dias e alcança maior valor de 3 anos

A criptomoeda XRP, emitida pela Ripple, continua sua tendência de alta neste final de semana. A moeda digital valorizou 136% nos últimos 7 dias...

Ethereum será atualizado em 14 de abril, Bitcoin vai comer poeira?

Está previsto para a próxima quarta-feira (14 de abril) a mais nova atualização da plataforma Ethereum. Chamada de Berlin, o update da rede foi...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias