Falso criador do Bitcoin é condenado a pagar R$ 570 milhões de indenização

Processo corre na justiça dos Estados Unidos.

Siga no
Craig Wright, Faketoshi
Craig Wright, "Faketoshi" - Crédito: AIBC Summit

O falso Satoshi Nakamoto, Craig Wright, recebeu nesta segunda-feira (6) um veredito de um júri nos Estados Unidos, que definiu que ele terá de pagar US$ 100 milhões para uma empresa.

O caso em questão foi movido pelo administrador da empresa W&K Info Defense Research LLC, na qual Craig e Dave Kleiman fundaram em 2011. Atualmente, quem administra essa empresa é o irmão de Dave, que faleceu há alguns anos.

Em um processo movido em 2018 e que se arrastava até agora, Ira sustentou que Craig teve ajuda de seu falecido irmão para “criar” o Bitcoin. Apesar de nunca provar, Wright diz ser o criador do Bitcoin que carrega o nome anônimo de Satoshi Nakamoto, mas sem provas ficou conhecido como “Faketoshi“.

O processo movido por Ira e a empresa sob seu comando pedia que o falso Satoshi condenado por vários crimes, dentre eles o de roubar a empresa que foi responsável pela mineração inicial do Bitcoin.

Nas últimas semanas, neste mesmo processo, Craig Wright chegou a ameaçar pessoas envolvidas com a causa.

Falso Satoshi Nakamoto vai ter de pagar R$ 570 milhões para empresa, escapando de pagar bilhões

Quando o processo foi movido em 2018, Ira Kleiman pediu que pelo menos US$ 10 bilhões fossem pagos pelo falso Satoshi Nakamoto. Com o passar dos anos, essa quantia valorizou pelo menos 6 vezes, o que daria dezenas de bilhões a serem pagos caso Craig Wright fosse condenado.

No entanto, nesta segunda o júri de um tribunal federal nos Estados Unidos isentou Craig Wright de todas as acusações movidas por Ira Kleiman, menos uma.

Ira dizia que seu irmão colaborou no lançamento do Bitcoin, entre outras alegações, que no entendimento do júri e com as provas apresentadas, não fazem sentido. Contudo, Craig Wright foi condenado por roubar da empresa que cofundou em 2011, devendo agora pagar US$ 100 milhões.

Após a decisão do júri nesta segunda, Wright comentou com o site Law360 que está totalmente aliviado, indicando que não deverá recorrer da decisão de ter que pagar milhões para a empresa. Seu advogado também comemorou a decisão e disse que foi uma decisão sábia.

Já Ira Kleiman e sua defesa disseram estar emocionados pela decisão, que reconheceu que o falso Satoshi, pelo menos em uma alegação, tinha errado e pagará por isso. Eles disseram também que isso abre um precedente importante na comunidade de criptomoedas e blockchain.

“Estamos imensamente gratos que nosso cliente, W&K Information Defense Research LLC, tenha recebido US$ 100 milhões, refletindo que Craig Wright erroneamente pegou ativos relacionados a bitcoin da W&K”.

Qual foi o papel de Dave Kleiman?

Na história em que Faketoshi alega ter criado o Bitcoin, Dave Kleiman teria sido um amigo que no máximo o ajudou a revisar o whitepaper. Mesmo assim, seu irmão declarou no tribunal, o que foi negado, que Dave era parte essencial na criação do Bitcoin.

Como faleceu em 2013, Dave não participou muito das histórias de Faketoshi e suas infundadas alegações de que é o verdadeiro Satoshi Nakamoto. Atualmente, o australiano Craig Wright é CEO do Bitcoin Satoshi Vision, uma altcoin cópia do Bitcoin Cash e que alega ser “o verdadeiro Bitcoin”, apesar de ninguém reconhecer este projeto por esse detalhe.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Imagem da MetaMask, carteira de criptomoedas roubo falha golpe

Saldo na Metamask some e usuário lamenta: “Covardia com investidor”

No final do ano passado uma situação começou a preocupar bastante alguns usuários da carteira Metamask, que levaram um susto ao notar que os...
Viatura da PM de Cabo Frio em ronda

Empresa suspeita de pirâmide com criptomoedas é alvo de reclamações em Cabo Frio

Cabo Frio vê uma nova possível pirâmide com criptomoedas ser alvo de reclamações públicas de clientes. Em 2021, a cidade que ficou conhecida como...
Pseudo-jogo NFT

Criptomoedas preferidas dos brasileiros despencam até 90%, maioria são gamecoins

Segundo informações do CoinGecko, as criptomoedas preferidas dos brasileiros estão em forte queda. Em sua maioria, são tokens de jogos NFT como CryptoPlanes e...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias