Goldman Sachs alerta: Dólar pode perder status de reserva de valor mundial

-

Siga no
Dólar Alta
Dólar

No começo dessa semana o ouro teve uma excelente movimentação em seu preço, conseguindo até mesmo ultrapassar o seu último valor recorde. Enquanto isso, o dólar continua em um estado de baixa confiança, com o Goldman Sachs alertando para a possibilidade de a maior moeda fiduciária do mundo perder o seu status de reserva de valor mundial.

O banco de investimentos está bem otimista com a atual situação do ouro, mas está com o pé atrás quando a situação é a força do dólar como uma reserva de valor.

Os estrategistas da empresa acreditam que o dólar está em risco de perder o status de reserva de valor mundial. Isso quer dizer que a moeda norte-americana pode perder o apelo que tem para outros países durante crises, quando a compra de dólares costuma a aumentar consideravelmente.

Curiosamente, a posição dos estrategistas da Goldman Sachs foi publicada pouco tempo depois dos bancos receberem a autorização para custodiar Bitcoins, algo que alguns viram como um sinal de desespero.

“Começaram a surgir preocupações verdadeiras sobre a longevidade do dólar dos EUA como uma moeda de reserva.”

De acordo com os estrategistas do banco, o problema com a força do dólar está justamente em quando os EUA continuam aumentando o nível do débito nacional. O valor já passou com tranquilidade a casa dos US$ 24 trilhões e o nível de aumento da dívida é tanta que alguns já até afirmaram que os EUA é um “país socialista para idiotas”.

Com o valor do debito atingindo 80% do produto interno bruto do país, a publicação acredita que o governo e o banco central vão acabar acelerando consideravelmente a inflação da moeda fiduciária.

“A expansão das contas e a vasta criação de dinheiro levanta os medos de degradação. Há uma grande possibilidade que no futuro, depois que a atividade econômica normalize, que os bancos centrais sejam incentivados a permitir que a inflação vá para níveis mais altos para reduzir o fardo do débito acumulado.”

Além da política interna que pode degradar o valor do dólar, a incerteza política entre diferentes nações, principalmente na guerra comercial China x EUA, também pode afetar o valor da moeda fiduciária.

Caminho aberto para outras reservas de valor?

O enfraquecimento do dólar e de qualquer outra moeda fiduciária é uma aposta antiga de muitos observadores do setor financeiro.

Com uma possível inflação no futuro, veremos o ouro ganhar cada vez mais valor, assim como a prata e outras formas de guardar dinheiro que não a moeda fiat.

Claro, nesse quesito também entramos nas criptomoedas, com o Bitcoin sendo o principal ativo digital envolvido na narrativa da reserva de valor. E considerando as recentes movimentações do Bitcoin, temos motivos para acreditar em uma valorização do tipo.

Saiba tudo sobre:
Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Anúncio

Bitcointrade - 95% dos depósitos aprovados em até 30 minutos!

Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em 5 minutos!

Complete seu cadastro em 5 minutos!
Avatar
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Moeda digital Bitcoin com fundo preto

Bitcoin mira alta histórica no Brasil após dobrar de preço

O preço do Bitcoin voltou a se aproximar da marca de U$ 12 mil por unidade, com um movimento impressionante no fim de semana....
Poupança

Idoso colocou poupança em criptomoeda

O tema DeFi está em alta em 2020, com algumas inovações sendo destaque com criptomoedas ligadas a Ethereum. Chamou atenção nos últimos dias para...
Hacker. Imagem: Cortesia Pixabay

Hackers roubam R$ 9.2 milhões em ataque de 51% ao Ethereum Classic

Através de um ataque de 51% contra a rede do Ethereum Classic (ETC), hackers conseguiram fazer um gasto duplo de cerca de 238,306 ETC,...