Homem que jogou no lixo HD com 7.500 bitcoins tem um novo plano para recuperar fortuna

Siga no

Em 2013 aconteceu um evento grandioso no criptomercado que marcou para sempre a história da moeda digital: Um investidor jogou no lixo um HD com 7.500 bitcoins, um dos casos mais populares de pessoas que perderam uma quantia milionária em criptomoedas.

O mais interessante da história não é como o britânico James Howells perdeu seus bitcoins, mas sim sua persistência herculana para tentar recuperar sua fortuna. O engenheiro de TI, morador da cidade de Newport, Reino Unido, que passou os últimos anos buscando o HD entre toneladas de lixo agora criou um novo plano para conseguir recuperar o dispositivo perdido.

O novo plano de Howells é utilizar dispositivos de Raio X para escanear toneladas de lixo utilizando tecnologia de inteligência artificial para encontrar o dispositivo perdido. Segundo ele, essa será uma procura profissional utilizando equipamentos de alta tecnologia.

“Essa será uma busca verdadeira, não será apenas alguém com um balde e uma pá. Nós temos um sistema com múltiplas esteiras, dispositivos de Raio-X dispositivos de Inteligência artificial treinada para reconhecer itens de tamanho e densidade similar a um HD.”

James acredita que o HD possa estar em qualquer parte de uma área de 200 metros quadrados, com locais de até 15 metros de profundidade de lixo. Exatamente, muito lixo! A estimativa é que eles terão que escanear cerca de 300 mil a 400 mil toneladas de lixo por semana. 

Ou seja, não será uma tarefa nem um pouco fácil e, ainda mais importante, nem um pouco barata. A pesquisa vai ser bem custosa, mas Howell disse que o seu plano será apoiado por um fundo de hedge bem rico que cobrirá os custos das buscas e do equipamento envolvido no processo. Como recompensa, a companhia ficará com uma boa parte dos bitcoins recuperados.

Com o atual valor do bitcoin, os 7.500 BTC valem cerca de US$ 248 milhões, mais de R$ 1,2 bilhão. Ou seja, o trabalho todo para encontrar as moedas pode valer a pena.

No entanto, mesmo com todos os planos elaborados, a cidade de Newport não quer permitir que ele cave o depósito de lixo, mesmo com James oferecendo US$ 76 milhões pela permissão.

O conselho de Newport explicou que, além de ser um processo extremamente caro e que pode não levar a nada, também há a possibilidade de um grande impacto ambiental para a cidade e para os sistemas de tratamento de lixo.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Vista da cidade de Miami

Criptomoeda de Miami será listada em primeira grande corretora

A cidade de Miami está para lançar sua própria criptomoeda, que já recebeu a confirmação de que será listada em uma grande corretora do...

ETF 100% Ethereum estreia hoje na B3

Nesta quarta (04) foi lançado o ETF 100% Ethereum na B3, bolsa brasileira. O fundo foi desenvolvido pela gestora QR Asset Management, a mesma...

Dotz vai permitir que clientes troquem pontos por bitcoin

A Dotz, uma das principais gestoras de pontos de fidelidade do Brasil, com uma grande quantidade clientes, pode ser mais uma forma de aproximar...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias