HSBC do Reino Unido proíbe depositos de lucros provenientes de Bitcoin

Felizmente, existem muitas alternativas disponíveis

Siga no

Nesta segunda-feira (11), a autoridade de Conduta Financeira do Reino Unido alertou os investidores em criptomoedas para estarem “preparados para perder tudo” ao investir em produtos relacionados a criptomoedas.

De acordo com o regulador, embora algumas empresas “prometam altos retornos”, eles vêm com “riscos muito altos”, incluindo volatilidade de preços, falta de regulamentação e complexidade.

Ao mesmo tempo as instituições bancárias do Reino Unido estão restringindo o acesso dos usuários de criptomoedas aos seus serviços.

De acordo com uma matéria do Sunday Times, o HSBC e “outros bancos não identificados” não irão mais receber pagamentos provenientes de Bitcoin e outras criptomoedas.

De acordo com a matéria, o banco não permitirá que seus clientes façam transferências de ou para corretoras ou mesmo permitir que seus clientes usem cartões de crédito para comprar ou vender Bitcoin ou outras criptomoedas.

Em outras palavras, os investidores em criptomoedas agora não poderão transferir seus lucros para suas contas bancárias.

Parece que o banco multinacional está adotando uma abordagem severa ao lidar com criptomoedas. A justificativa do HSBC é uma suposta luta contra a lavagem de dinheiro.

Curiosamente, documentos vazados da FinCEN revelaram que o próprio HSBC estava envolvido com lavagem de dinheiro, o que levou o banco a receber uma multa recorde de US $ 1,9 bilhão pelas acusações.

O HSBC também foi tema de um documentário na Netflix que expôs um esquema de lavagem de dinheiro de US $ 881 milhões.

Muitos usuários de criptomoedas criticaram o HSBC pela decisão.

O Reino Unido é considerado uma região anti-criptomoedas, e a decisão do HSBC de interromper o processamento de pagamentos de criptomoedas, bem como a transferência de fundos de e para corretoras prejudicará os investidores locais.

Respondendo à reportagem do The Sunday Times, um especialista do mercado disse que “Muitos bancos sairão do mercado assim”.

“O HSBC agora está bloqueando as transferências de e para corretoras de criptomoedas. As instituições financeiras tradicionais farão tudo ao seu alcance para impedir esse movimento. Eles estão literalmente negando aos clientes o acesso ao ativo de maior desempenho da última década.”, disse Jason Yanowitz, da Block Works Group.

Não está claro o que o HSBC está tentando sufocar ou prevenir, uma vez que seus próprios envolvimentos em esquemas globais de lavagem de dinheiro foram bem expostos.

Os bancos têm sido tradicionalmente inimigos das moedas digitais, pois o conceito das criptomoedas é uma ameaça direta às suas margens de lucro.

Os bancos ganham dinheiro com o dinheiro de outras pessoas e foram o principal catalisador para que Satoshi Nakamoto criasse o Bitcoin há pouco mais de uma década.

Bloquear transações relacionadas a criptomoedas é apenas a última palavra em hipocrisia bancária que os clientes precisam engolir.

Felizmente, existem muitas alternativas disponíveis.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Bitcoins

45% das famílias mais ricas do mundo querem investir em Bitcoin, diz Goldman Sachs

Uma recente pesquisa realizada por uma das principais instituições financeiras do mundo, a Goldman Sachs, revelou que os family offices de algumas das famílias...

Bitcoin ganha novo impulso de alta e supera US$ 34 mil, entenda

O Bitcoin continua a se recuperar de sua queda no início da semana após várias empresas darem sinais que estão correndo para apostar no...
dolar rasgado e Bitcoin. Imagem: ShutterStock

Valor total de transações com bitcoin em 2021 deve superar PIB dos EUA

Pela primeira vez em menos de sete meses, o volume total de transferências com bitcoin ultrapassou US $ 15,8 trilhões. Como resultado, o volume...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias