Ideia legislativa pede criação de criptomoeda nacional que tenha o dobro de preço do Real

Ideia legislativa apresentada por brasileiro quer o fim do Real, que passa por um momento ruim.

Empresário vestindo terno segurando notas reais brasileiras fazendo sinal ok
Empresário vestindo terno segurando notas reais brasileiras fazendo sinal ok

Um brasileiro pede ao governo a criação de uma criptomoeda nacional tenha o dobro do Real, moeda que atravessa uma dura fase de inflação e perda no poder de compra, mesmo após medidas do Banco Central do Brasil para tentar conter o problema.

Segundo o idealista, essa proposta deveria fazer parte de uma Lei do Desenvolvimento Econômico Nacional.

De acordo com dados divulgados pelo próprio Bacen, a inflação dos últimos 12 meses é de 12,13%, mesmo com uma Selic em 12,75%. Ou seja, a perda no poder de compra da população segue ruindo, mesmo com medidas adotadas recentemente pela autarquia sendo duras em busca do controle da inflação que tanto afeta o Real.

Panorama econômico do Brasil apresentado pelo Bacen
Panorama econômico do Brasil apresentado pelo Bacen. Reprodução.

Brasileiro faz proposta inusitada de criptomoeda nacional que tenha o dobro do preço do Real

Nos últimos dois anos principalmente, os bancos centrais pelo mundo imprimiram muito dinheiro para conter os efeitos da crise na saúde global. Com isso, a inflação aumentou em escala global e afetou também a população brasileira.

Com pressão no consumo, muitos já perceberam que o poder de compra da moeda nacional não é mais o mesmo, situação que piorou nos últimos meses.

Dessa forma, o brasileiro Luis Gustavo Rodrigues Teles, que mora no Maranhão, encaminhou uma ideia legislativa ao Congresso Nacional, pedindo que seja criada uma criptomoeda nacional que valha o dobro do valor do Real atual.

Segundo ele, caso o governo crie uma moeda nacional nova e congele os preços dos serviços e produtos, a população poderá consumir mais, assim como o governo arrecadaria mais impostos.

“Se o governo federal congelar os preços dos serviços e produtos, bem como trocar a nova moeda pela velha [SIC], isto dobrará o consumo da população, a vendas das empresas, a produção das indústrias e a arrecadação de impostos (PIB).”

Essa medida aparenta ser as mesmas tomadas no início da década de 90, quando o Brasil passava por uma hiperinflação. Naquela ocasião, contudo, mudar a moeda e congelar preços não deu muitos resultados práticos.

O brasileiro também não explicou sobre o porque daria resultados práticos dobrar, triplicar, ou valorar o Real artificialmente. Caso sua proposta alcance 20 mil votos, ela deverá ser apresentada ao Congresso Nacional para apreciação e pode se tornar um projeto de lei.

Projeto do Real digital garante paridade com moeda física

A ideia de criar uma moeda nova já passa pela gestão atual do Banco Central do Brasil, que estuda lançar o Real digital em breve. Segundo o projeto, contudo, a nova moeda CBDC que chega para concorrer com o bitcoin não terá o “dobro do valor”, mas sim terá paridade com a moeda física.

Ou seja, diferente do que espera o autor da ideia legislativa, que ainda conta com apenas 1 apoio, o governo não indica concordar com a prática de dar um valor em dobro para uma moeda, apenas por ser nova.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias