Irã bane mineração de Bitcoin

Mineração já vinha passando por pressões na China e nos Estados Unidos, sendo o Irã mais um a "engrossar o caldo".

Siga no
Bandeira do Irã com seta branca
Bandeira do Irã

O Irã anunciou que está proibido a atividade de mineração de Bitcoin temporariamente até o mês de setembro. De acordo com o presidente Hassan Rouhani, as medidas entram em vigor imediatamente.

Afetado por sanções dos Estados Unidos, o Irã usa criptomoedas para negociar com outros países. Isso porque, como o Bitcoin tem rede descentralizada, sem governos proibindo suas transações, o país utiliza a moeda  para escapar da dura realidade imposta pelos embargos econômicos.

Apesar disso, o Irã sofre com problemas de apagões elétricos, devido ao alto consumo energético pela população. Ou seja, a mineração de Bitcoin poderia estar atrapalhando o bom funcionamento da rede.

Segundo informações publicadas pela Reuters, outro problema detectado pelo Irã é a falta de licenças na indústria. Como 85% das fazendas de Bitcoin não pediram às autoridades locais os seus registros, a situação seria ainda pior.

Com eleições presidenciais marcadas para o próximo mês, havia uma pressão enorme da sociedade iraniana para controlar os apagões. Além de atribuir o problema à mineração de Bitcoin, o governo ainda culpou a seca e o aumento da demanda pela população durante o verão.

País havia atraído mineradores da China, que terão agora que migrar novamente

Com a moeda digital sendo uma das maneiras de escapar das sanções impostas pelos Estados Unidos, o Irã diminuiu o custo da energia para mineradores que quisessem ir para o país.

Como a China reprime a mineração nos últimos anos, alguns chegaram a se mudar para o Irã, com incentivos do governo. Neste mês, a China voltou a reforçar medidas contra essa atividade, deixando claro que até punições serão aplicadas em quem descumprir medidas.

No entanto, quem havia migrado da China para o Irã deverá decidir: aguardar até o dia 22 de setembro para voltar a ligar suas máquinas ou migrar de país.

Com acusações graves contra o possível impacto ambiental da mineração, empresas dos Estados Unidos até criaram um Conselho nos últimos dias.

De qualquer forma, 4,5% dos Bitcoins são minerados no Irã, o que causa novas preocupações ao mercado. No início da manhã, o preço do Bitcoin chegou a subir novamente dos 40 mil dólares, mas despenca novamente após a novidade.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Corinthians Token para Torcedores

Criptomoeda do Corinthians chegará em breve após parceria com Chiliz

O Corinthians, em parceria com a Chiliz e Socio.com, lançará uma criptomoeda para torcedores e cerca de 35 milhões de fãs poderão ajudar o...
Robert Kiyosaki. Imagem:Youtube

Autor de ‘Pai Rico, Pai Pobre’ diz que vai comprar mais Bitcoin na queda:...

O renomado educador financeiro e autor do best-seller 'Pai Rico, Pai Pobre' tem falado bastante sobre Bitcoin nos últimos dias. Na sexta-feira (18), conforme...

Hashdex e XP Seguros lançam previdência internacional em criptomoedas

A Hashdex, empresa gestora de moedas digitais no Brasil, com a XP Seguros, braço de investimentos da XP Inc., lançam nesta terça-feira (22) uma...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias