Crypto.com cancela parcerias e faz demissão em massa

Estima-se que mais de 2 mil funcionários foram demitidos da corretora e ela com certeza está passando por alguns problemas. Não é a toa que não foi só o quadro de funcionários que foi diminuído, mas também os esforços de marketing.

Matt Damon, conhecido por filmes como Perdido em Marte e a franquia Bourne, recentemente foi o astro de uma propaganda da Crypto.com, onde afirmava que “A Fortuna favorece os corajosos”. O problema é que a campanha foi vinculada dias antes da queda das criptomoedas, o que acabou dando um ar bem irônico para ela, para piorar a empresa está demitindo em massa seus funcionários por problemas financeiros.

De acordo com a AdAge, a Crypto.com já reduziu sua força de trabalho em até 40% entre junho e agosto deste ano. Como é de praxe a empresa não divulgou o número exato de funcionários demitidos ou de quantos ainda estão atuando na Crypto.com, mas as fontes do AdAge afirmam que “foi a grande maioria” do quadro de funcionários.

O site atambém aponta que anteriormente a Crypto.com demitiu 1.000 funcionários, incluindo pessoal de marketing e uma equipe criativa interna contratada apenas alguns meses antes, focando em manter apenas pessoal essencial.

Crypto.com diz que demissões faz parte de reestruturação

Um porta-voz da Crypto.com disse à AdAge que conforme divulgado em junho que a corretora passou por um processo de reestruturação concluído em julho para fortalecer a posição da companhia em meio ao cenário de um clima de mercado em baixa impulsionado por condições macroeconômicas que afetam quase todos os setores.

“Como parte dessa reestruturação, tomamos a difícil decisão de realizar reduções de empregos direcionadas, 60% dessas funções vieram de serviços não corporativos, de back office e de suporte vinculados a volumes comerciais.”, disse o porta voz.

Sendo assim, estima-se que mais de 2 mil funcionários foram demitidos da corretora e ela com certeza está passando por alguns problemas. Não é a toa que não foi só o quadro de funcionários que foi diminuído, mas também os esforços de marketing.

Após propaganda com Matt Damon, Crypto.com investe muito menos em propaganda

Após a famosa propaganda, o Crypto.com seguiu uma série de acordos de milionários, incluindo patrocínios com a NBA, Fórmula 1 e um acordo de patrocínio de US$ 700 milhões com o antigo Staples Center de LA.

No entanto, menos de um ano depois de todos esses acordos, a companhia desistiu, neste mês, de um acordo de patrocínio de US$ 495 milhões com a Liga dos Campeões da UEFA e, até o final do ano, encerrará sua parceria com a liga de esports Twitch Rivals.

O AdAge aponta que o problema da Crypto.com começou quando ela tentou fazer mais barulho pelas manchetes de suas grandes parcerias do que realmente melhorar a base do seu serviço.

“Eles estavam preenchendo cheques que só podiam descontar quanto as coisas estivessem boas. Dinheiro de mentirinha.”, disse um funcionário.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de criptomoedas do mercado ganhe até 100 USDT em cashback. Cadastre-se

Siga o Livecoins no Google News.

Curta no Facebook, TwitterInstagram.

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Matheus Henrique
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Últimas notícias

Últimas notícias