JPM Coin começa a ser testada e pode ser grande rival para a Libra do Facebook

Projeto do sexto maior banco do mundo é também uma stablecoin que será lançada em breve no mercado.

-

Siga no

A criptomoeda JPM Coin começou a ser testada pelo banco JP Morgan. O projeto, ainda em fase de desenvolvimento, será testado por alguns clientes corporativos do sexto maior banco do mundo. A proposta da JPM Coin é criar uma stablecoin inicialmente atrelada ao dólar norte-americano.

O sexto maior banco do mundo anunciou recentemente sua intenção em relação ao mercado de criptomoedas. Desde então, o JP Morgan começou a desenvolver o que será a JPM Coin. Uma criptomoeda estável que terá seu preço atrelado a moedas fiduciárias, como o dólar norte-americano, por exemplo.

O lançamento da JPM Coin poderá impactar ainda mais o mercado de criptomoedas. Grandes empresas começam a apostar em suas próprias criptomoedas, em busca de garantir um espaço consolidado em todo o mercado.

Tecnologia da JPM Coin vai ser testada por clientes do banco

A stablecoin JPM Coin será testada em breve por clientes do banco norte-americano. O teste inicial será feito somente com investidores corporativos, que serão previamente selecionados pela instituição. O anúncio indica que a criptomoeda pode estar pronta para ser lançada, após o teste inicial.

Os clientes selecionados deverão testar a tecnologia por trás de todo o projeto em breve. De acordo com relatório publicado pela Bloomberg, transações via blockchain devem integrar a fase de testes que compreende a tecnologia que dará vida a JPM Coin.

Transações mais rápidas e com baixo custo via blockchain

O banco e investidores corporativos poderão testar o que seria a própria blockchain da JPM Coin. De acordo com o chefe de iniciativas blockchain do banco norte-americano, Umar Farooq, o teste incluirá transações com tempo reduzido de confirmação de dados.

O teste incluirá ainda, um sistema que representará baixo custo operacional. Essas facilidades deverão familiarizar os clientes com o processo de utilização da JPM Coin. A stablecoin terá seu valor completamente atrelado ao dólar norte-americano.

Investidores esperam para usarem a JPM Coin

A JPM Coin ainda deve conseguir aprovação para que a criptomoeda funcione regularmente. Somente após uma aprovação é que o projeto deverá ser lançado. Contudo, alguns clientes já poderão conferir a tecnologia que será utilizada na criptomoeda criada pelo banco JP Morgan.

O banco norte-americano recebeu vários pedidos de usuários corporativos interessados na JPM Coin. São os investidores europeus, norte-americanos e japoneses os que mais se interessaram pelo projeto.

Serão estes investidores que deverão testar a tecnologia blockchain que suportará a JPM Coin. A proposta do teste é utilizar a tecnologia em transações comerciais envolvendo fundos custodiados pelo banco.

JPM Coin e Libra podem ser concorrentes

A JPM Coin chegará no mercado em um momento de lançamento de projetos ousados, como a Libra. Recentemente o Facebook anunciou a criação de uma stablecoin que poderá ser enviada através do Messenger e do WhatsApp.

O projeto da rede social de Mark Zuckerberg poderá oferecer concorrência para a stablecoin do banco JP Morgan. A instituição custodia cerca de US$ 30 trilhões de investidores em todo o mundo.

O mercado de criptomoedas vive um importante momento de expansão. Com o anúncio da criptomoeda do Facebook, uma regulação para o setor poderá ser proposta em vários países. Alguns grupos de grandes potências econômicas, como o G-7 e G-20 já sinalizaram interesse em propor regulação para as criptomoedas.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Anúncio

Bitcointrade - 95% dos depósitos aprovados em até 30 minutos!

Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em 5 minutos!

Complete seu cadastro em 5 minutos!
Paulo Carvalho
Paulo Carvalho
Jornalista em trânsito, escritor por acidente e apaixonado por criptomoedas. Entusiasta do mercado, ouviu falar em Bitcoin em 2013, mas era que nem caviar, "nunca vi, nem comi, só ouço falar".

Maior corretora de Bitcoin dos EUA se prepara para listagem pública no mercado de...

A Coinbase, maior corretora dos Estados Unidos e uma das principais do mundo, está se preparando para ser listada no mercado de ações, fazendo...
Atlético Mineiro

Criptomoeda do Atlético Mineiro foi pausada

Após dois anos do anúncio de sua criptomoeda, o Clube Atlético Mineiro afirma que o projeto foi pausado. Chamada de GaloCoin, a criptomoeda ainda...
Mapa da América do Sul no Globo

Bitcoin explode na América do Sul, na contramão do mundo

O Bitcoin é uma moeda digital que não tem nenhuma relação com nenhum governo, sendo totalmente descentralizada. Em meio à pandemia, o interesse no...