Linkedin Top Startups 2018: Mercado Bitcoin selecionado para a lista das startups mais desejadas no Brasil

Mercado Bitcoin está entre as 25 startups do ano, segundo ranking do Linkedin

Siga no

A rede social para negócios mais conhecida no mundo lançou um estudo nesta terça sobre o cenário das startups brasileiras, chamado de LinkedIn Top Startups 2018.

No nome ainda foi citado que as 25 startups levantadas no estudo são “as mais desejadas”, mas após saber sobre o cenário brasileiro para startups fomos conferir o estudo realizado pela rede.

Cabe o destaque para a Metodologia do estudo realizado, que buscou avaliar quatro pilares: o crescimento do número de funcionários, o engajamento, interesse em empregos e atração dos melhores talentos.

Ainda na Metodologia, só foram analisadas empresas da iniciativa privada, com mais de 50 funcionários e com no máximo 7 anos de idade, além é claro de possuir sede no país.

Para quem estuda e conhece o mercado das criptomoedas e Blockchain, sabe que inúmeras fintechs estão no mundo todo utilizando essa tecnologia para revolucionar o setor bancário, que para empresas e pessoas físicas é lento e ineficiente.

Com isso, dentre as 25 que foram levantadas pelo LinkedIn Top Startups 2018, devemos destacar várias se caracterizam como Fintechs, que são as startups de base tecnológica.

Dentre as mesmas, está a Exchange Brasileira Mercado Bitcoin, que é uma das grandes operações de compra e venda de Bitcoin no Brasil, com uma ideia de crescimento grande ao passo que planeja investir pelo menos R$ 10 milhões em segurança, somente em 2018.

Mercado Bitcoin é selecionado para a lista das startups mais desejadas no Brasil

Das 25 empresas selecionadas este ano, nove são fintechs, empresas que estão buscando inovar no setor de serviços financeiros. O Mercado Bitcoin ficou na 16° colocação no ranking geral e é a única corretora de criptoativos do Brasil a constar na lista.

“É com grande satisfação e orgulho que recebemos a notícia de estar no ranking com as principais startups de 2018 e em um momento tão importante para o Mercado Bitcoin. Atuamos em um cenário muito desafiador, mas fazemos tudo isso por acreditarmos na nossa missão: transformar a forma como as pessoas se relacionam com o dinheiro. Ficamos muito felizes pelo reconhecimento de nossos esforços e nossas realizações até aqui. Isso renova nosso ânimo para seguirmos em frente”, afirma Gustavo Chamati, CEO do Mercado Bitcoin.

A empresa tem crescido nos últimos tempos e é uma das primeiras exchanges nacionais a entrar no mercado, tendo recentemente lançado um aplicativo mobile inclusive.

Porém, como o cenário das criptomoedas no Brasil ainda não é regulamentado, esta exchange tem brigado na Justiça para conseguir se integrar a bancos, e o julgamento ocorre contra o Banco Itaú no STJ.

O estudo Linkedin Top Startups 2018 pode ser acessado na íntegra pelo link da página oficial, e por lá você consegue ver mais detalhes das empresas listadas, como número de funcionários e sede por exemplo.

No Livecoins é possível acompanhar as Vagas de Emprego para empresas de Blockchain no Brasil, mas com certeza o potencial de ser recrutado pelo LinkedIn é muito grande, visto que este é um dos focos da plataforma.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Investidores confundem “bitcoin gold” com BTG Pactual e moeda dispara 200%

O valor da criptomoeda bitcoin gold (BTG), que surgiu em 2017 como uma cópia do Bitcoin, valorizou 200% nos último 7 dias. O motivo...

XRP sobe 200% em 30 dias e alcança maior valor de 3 anos

A criptomoeda XRP, emitida pela Ripple, continua sua tendência de alta neste final de semana. A moeda digital valorizou 136% nos últimos 7 dias...

Ethereum será atualizado em 14 de abril, Bitcoin vai comer poeira?

Está previsto para a próxima quarta-feira (14 de abril) a mais nova atualização da plataforma Ethereum. Chamada de Berlin, o update da rede foi...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias