Maior agência de notícias do mundo expõe positivamente bitcoin a milhões

"A primeira aplicação bem-sucedida da tecnologia blockchain"

Siga no
China e Bitcoin
China Bitcoin

A agência oficial de imprensa estatal da República Popular da China, Xinhua News Agency, citou o Bitcoin em uma de suas edições mais recentes como “a primeira aplicação bem-sucedida da tecnologia blockchain”. A notícia é dada semanas depois que o presidente Xi Jinping anunciou que seu governo iria adotar a tecnologia blockchain.

Expondo o Bitcoin a milhões

A Agência de Notícias Xinhua, também conhecida como Nova Agência de Notícias da China, é a maior organização de notícias do mundo em termos de correspondentes em todo o mundo. E publicou recentemente um artigo, intitulado ” Bitcoin: a primeira aplicação bem-sucedida da tecnologia Blockchain“, descrevendo o histórico e as características dessa criptomoeda.

O relatório começa introduzindo a pergunta que muitos investidores têm sobre o Bitcoin:

“Bitcoin é a tendência inevitável do futuro do dinheiro, ou é outra bolha?”

Em seguida, continua descrevendo os pilares fundamentais nos quais o Bitcoin foi desenvolvido, incluindo descentralização, resistência à censura e imutabilidade. Também abrange os meandros da mineração, a metade e um breve mergulho no anonimato, afirmando que:

“A identidade do titular da conta do Bitcoin não será conhecida por ninguém. As pessoas podem transferir dinheiro livremente sem ter que verificar várias identidades [protocolos de autenticação, como costuma ser feito em bancos]. ”

No entanto, o artigo destaca os riscos potenciais de transações com o Bitcoin, argumentando que ele é usado principalmente no mercado negro.

“O Bitcoin é amplamente usado em transações ilegais, como lavagem de dinheiro. Atualmente, os usos mais importantes dos pagamentos em Bitcoin são transações no mercado negro e transações “darknet”. “

Apesar deste comentário, o relatório é amplamente positivo e pretende expor uma visão não-tendenciosa do Bitcoin a centenas de milhões de cidadãos chineses.

China se prepara para adotar a tecnologia blockchain

A publicação recente da Agência de Notícias Xinhua parece estar relacionada à ambição do presidente Xi Jinping de “assumir a posição de liderança no campo emergente da blockchain”. Desde o anúncio, surgiu uma onda de novas iniciativas com o objetivo de colocar a China na vanguarda da tecnologia blockchain.

O plano de incluir a mineração de criptomoedas em uma lista de indústrias que seriam proibidas na China teria sido descartada. A Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma (NDRC), que trabalha no Conselho de Estado da China, publicou uma versão atualizada de suas diretrizes que entram em vigor em 1º de janeiro de 2020. O catálogo contém descrições detalhadas do que constitui “mineração de moeda virtual” e não está incluído na lista de indústrias que seriam eliminadas em todo o país.

Além disso, a Comissão de Valores Mobiliários e Futuros (SFC) de Hong Kong divulgou uma estrutura regulatória que permite que as corretoras de criptomoedas operem dentro de regras específicas no país. De acordo com o chefe da SFC, o sandbox regulatório “cobre todas as principais preocupações de proteção do investidor”, incluindo segurança, custódia e manipulação de mercado.

À medida que a China acelera o desenvolvimento de uma moeda digital apoiada pelo governo, é muito provável que mais meios de comunicação de todo o país enviem conteúdo sobre Bitcoin e tecnologia blockchain. Toda essa exposição aumentaria o entendimento e, posteriormente, a adoção da tecnologia.

Leia mais sobre:
Mateus Nunes
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Analista de Sistemas, entusiasta de criptomoedas e blockchain. Tradutor do site Bitcoin.org Sugestão de pauta: mateus@livecoins.com.br
programador blockchain

CPQD abre vaga de emprego para programador blockchain

Muitas pessoas buscam neste início de ano uma oportunidade de trabalho. Com o mercado de criptomoedas aquecido, várias oportunidades estão surgindo no setor. O...

Obra de arte com 250 bitcoins vendida em 2019 hoje vale R$ 42 milhões.

Em 2019, o argentino Alberto Echegaray Guevara vendeu uma obra de arte com 250 bitcoins. A obra foi apresentada na Bienal de Veneza 2019...
Três Bitcoins

Desenvolvedor da Ripple consegue recuperar bitcoins perdidos desde 2014

David Schwartz, o CTO da Ripple, contou sua história sobre a perda de bitcoins e como eles foram milagrosamente recuperados. Em um tópico no...

Cotações por TradingView

Últimas notícias

Obra de arte com 250 bitcoins vendida em 2019 hoje vale R$ 42 milhões.

Em 2019, o argentino Alberto Echegaray Guevara vendeu uma obra de arte com 250 bitcoins. A obra foi apresentada na Bienal de Veneza 2019...

Desenvolvedor da Ripple consegue recuperar bitcoins perdidos desde 2014

David Schwartz, o CTO da Ripple, contou sua história sobre a perda de bitcoins e como eles foram milagrosamente recuperados. Em um tópico no...

Mineração de Bitcoin chega ao Círculo Polar Ártico

A mineração de bitcoins chegou a um dos lugares mais frios do planeta, o Círculo Polar Ártico. De acordo com a Bloomberg, uma empresa...

Europeus esperam privacidade no Euro Digital

Manter suas informações privadas e a salvo, é o que esperam os europeus quanto ao Euro Digital. Em recente pesquisa feita pelo Banco Central...

Maior gestor de fortunas do mundo diz que Bitcoin pode cair a zero a qualquer momento

Uma das maiores gestoras de patrimônio privado do mundo acaba de se juntar a dois reguladores mundiais para alertar que os investidores em criptomoedas...