Mastercard vai permitir que lojas aceitem pagamentos em criptomoedas

Ainda não está claro quais criptomoedas a Mastercard vai suportar, mas a empresa disse estar observando e que está atenta sobre quais ativos darão suporte.

Siga no
Mastercard.
Mastercard

A gigante de pagamentos Mastercard está planejando permitir que seus comerciantes consigam aceitar pagamentos em criptomoedas ainda este ano. De acordo com uma postagem em seu site, a nova funcionalidade permitirá que os clientes façam pagamentos com bitcoin e outras criptomoedas nas lojas que trabalham com o cartão da empresa.

A informação já havia sido revelada em 28 de janeiro, quando o CEO da Mastercard, Michael Miebach, disse em uma teleconferência que a empresa iria integrar pagamentos em moeda digital “diretamente na rede”.

A Mastercard já suporta algumas transações com criptomoedas por meio de parceiros, como a Wirex e Uphold, mas o novo movimento da empresa poderá usar a própria rede da Mastercard para liquidar os pagamentos no momento da compra.

Ou seja, os comerciantes poderão escolher entre guardar as criptomoedas recebidas em uma transação ou converter instantaneamente para a moeda fiduciária na cotação do momento.

A Mastercard diz no anuncio que quer ajudar compradores e comerciantes, “permitindo que eles realizem transações em uma forma de pagamento totalmente nova.”

“”Estamos aqui para permitir que clientes, comerciantes e empresas movam valor digital – tradicional ou criptografado – como quiserem. A escolha deve ser sua, o dinheiro é seu.”

Mastercard aceitar pagamentos em criptomoedas
Mastercard aceitar pagamentos em criptomoedas

Mastercard e criptomoedas

Ao longo dos anos a Mastercard registrou 89 patentes relacionadas a blockchain e está aguardando aprovação de outras 285 em todo o mundo. A empresa, portanto, tem muito interesse em atuar no mercado de ativos digitais, seguindo passos do PayPal, que saiu na frente e pretende também permitir que seus comerciantes no mundo todo aceitem pagamentos em Bitcoin.

A Visa também entrou na corrida para conquistar uma fatia do mercado e na semana passada anunciou uma API que permite qualquer um dos seus clientes a prover serviços de compra e venda de Bitcoin.

A plataforma da Visa possibilita que seus 70 milhões de clientes se tornem uma plataforma de compra e venda de ativos digitais.

Ainda não está claro quais criptomoedas a Mastercard vai suportar, mas a empresa disse estar observando o mercado e que está atenta sobre quais ativos dará suporte com base nos princípios das moedas digitais que se concentram e na proteção e conformidade do consumidor.

“Nossa filosofia sobre criptomoedas é direta: trata-se de escolha. A Mastercard não está aqui para recomendar que você comece a usar criptomoedas. Mas estamos aqui para permitir que clientes, comerciantes e empresas movam valor digital”, disse a empresa.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Gráfico de preço da Cardano em alta

Cardano líder em número de desenvolvedores? Não caia nessa!

Um estudo de atividades no GitHub, principal repositório do código-fonte das criptomoedas, mostrou a Cardano na liderança nos últimos 12 meses. Os dados foram...

DeFi: três setores de grande potencial

De acordo com dados da Messari, o volume trimestral das Corretoras Descentralizadas (DEXs) no final do segundo trimestre de 2021 foi de R$ 2...
Criptomoeda Tether com sinais vermelhos

Michael Burry faz alerta sobre criptomoeda Tether

O lendário trader Michael Burry compartilhou em seu Twitter que a criptomoeda Tether pode estar no meio da confusão da Evergrande na China. Vale notar...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias