Mega banco japonês lançará criptomoeda estável em Março

Siga no

O Mega banco japonês, Mizuho Financial Group, que controla US $ 1,8 trilhão em ativos, lançará sua própria criptomoeda estável (stablecoin) no dia 1º de março, segundo o jornal Nikkei Asian Review.

A matéria sugere que a moeda chamada J-Coin será usada para pagamentos e serviços de remessa. Além disso, cada conta bancária existente no banco será diretamente integrada as carteiras digitais da moeda digital, dando ampla oportunidade para que a stablecoin seja adotada pelos clientes.

A moeda será controlada pelos usuários por meio de um aplicativo de celular chamado J-Coin Pay, que contará com pagamentos de criptomoedas por meio de códigos QR no checkout.

A moeda tem valor estável, o que significa que ela terá um preço fixo. De acordo com a matéria da Nikkei, a J-Coin será fixada ao preço de 1 iene (aproximadamente US $ 0,01 USD) por unidade, que pode ser transferido entre as carteiras J-Coin e as contas bancárias da Mizuho gratuitamente. O projeto conta com o apoio do banco central e dos orgãos reguladores do Japão.

O Japão já é um mercado popular para o Bitcoin e outras criptomoedas, e o Mizuho Financial Group, com sua J-Coin, está tentando aproveitar isso, permitindo que os usuários gastem a criptomoeda em lojas de varejo em todo o Japão.

O banco Mizuho espera embarcar em um mínimo de 300.000 lojas e inscrever pelo menos 6,5 milhões de usuários em poucos anos.

Eles têm procurado atrair os comerciantes com o fato de que cobram taxas de transação mais baixas do que os cartões de crédito, que estarão em algum lugar abaixo da marca de 2 a 5%. Essa mudança para o uso e aceitação do varejo imita a da Line, um aplicativo de pagamentos no Japão que tem uma criptomoeda própria.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Bitcoin pegando fogo e bandeira da China

Maior pool de mineração de Bitcoin bane chineses

Nesta segunda, a maior pool de mineração de Bitcoin baniu os mineradores chineses, mostrando que a comunidade deverá acatar a determinação do governo chinês. Na...

“Bitcoin é perigoso e não pode ser reserva de valor”, diz analista do Deutsche...

Uma analista do Deutsche Bank, chamada Marion Labor, falou sobre os perigos do uso das criptomoedas, principalmente o Bitcoin, como uma moeda legal. As...
Cadeado destravado e Bitcoin em caso de baixa segurança dos dados corretoras

ABCripto alerta sobre transações da Gas Consultoria e “Faraó dos bitcoins”

Fruto da colaboração de várias empresas do mercado de criptomoedas brasileiras, a ABCripto emitiu um alerta para as transações feitas pela Gas Consultoria e...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias