Menos de 1% do total de bitcoins existentes é usado em crimes, diz estudo

O valor não é apenas irrisório, mas esse é um dado que se manteve consistente nos últimos anos, mostrando que o Bitcoin está longe de poder se considerado uma moeda “criminosa”.

Siga no
Promotor realiza minicurso sobre crimes com criptomoedas

Uma das principais narrativas para aqueles que são contrários ao Bitcoin (incluindo o governo) é que o ativo digital é muito utilizado em atividades ilegais e no financiamento do crime.

No entanto, essa é uma informação que não poderia estar mais errada, já que um recente estudo apontou que menos de 1% das transações de Bitcoin foram usadas em atividades ilícitas.

De acordo com dados da Elliptic, que realizou um estudo sobre o influxo de Bitcoin em diferentes mercados. De acordo com os achados da empresa, publicados no The Block, menos de 1% de todo o volume do Bitcoin foi usado em atividades ilegais como o mercado negro, ataques de ransonware e fraudes financeiras.

O valor não é apenas irrisório, mas esse é um dado que se manteve consistente nos últimos anos, mostrando que o Bitcoin está longe de poder se considerado uma moeda “criminosa”.

A Elliptic disse ter calculado o valor em dólares do Bitcoin diretamente ligado a todas as entidades ilícitas em sua base de dados desde 2012, com dados mensais sobre essas transações.

Os dados informados mostram que, durante o começo do estudo nos mercados ilegais, 35% do volume de negociação do Bitcoin estava em atividades ilegais. Esse foi um período em que o infame Silk Road ainda estava ativo e tinha muita atividade com o Bitcoin.

Percentual de bitcoin ligado ao crime. Imagem: Elliptic
Percentual de bitcoin ligado ao crime. Imagem: Elliptic

Com isso, temos uma queda constante desde então, motivada não apenas pelas leis anti-lavagem de dinheiro, mas também por que o ecossistema das criptomoedas como um todo vem evoluindo.

Com a adoção que o Bitcoin teve nos últimos anos, é normal que grande parte do volume venha de atividades legais e até mesmo empresas reconhecidas.

“Existe uma clara queda. Eu acho que isso vem da introdução de regulamentações de AML, o trabalho de investigação das entidades da lei, e os esforços das exchanges de criptomoedas e outras empresas – assim como o aumento da especulação como o uso principal das criptomoedas.”, disse Tom Robinson, cofundador e chefe de pesquisa da Elliptic, ao The Block.

Bitcoin não é a moeda do crime

Esses dados reforçam ainda mais aquilo que grande parte da criptoeconomia já sabe, o Bitcoin está longe de ser considerado uma moeda usada por criminosos. Essa é uma informação errada que até mesmo grandes nomes políticos, como Donald Trump, acreditam.

No entanto, vemos que o Bitcoin está cada vez menos sendo usado para tais atividades, enquanto ele passa a ser mais usado como investimento ou até reserva de valor.

Na contramão disso, é impossível saber qual é a quantidade de moeda fiduciária utilizada em atividades ilegais. Não há como rastrear o uso de moedas fiduciárias em atividades ilegais. A blockchain do Bitcoin é transparente e à prova de fraudes.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
TradingView

Coluna do TradingView: Olhar técnico para se preparar esta semana

Em semana conturbada com muitos ruídos no cenário global, criptomoedas performam entre baixas e altas, com atenção especial para a decisão de política monetária...
Grimace, Hamburglar e Ronald do McDonald's

McDonald’s responde Elon Musk, GrimaceCoin é criada e sobe 200.000%

Após Elon Musk afirmar que comeria um McLanche Feliz na TV caso o McDonald's aceitasse Dogecoin como forma de pagamento, a empresa fez uma...
Tabela de preços das criptomoedas com valorização, corretoras do mercado

CVM proíbe corretora de criptomoedas de atuar no Brasil

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM), suspendeu uma corretora de criptomoedas que estava atuando no Brasil. Nos últimos anos várias corretoras chegaram no mercado...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias