Mineradora de Bitcoin investe R$ 5 bilhões em novos equipamentos

Grande empresa de mineração de Bitcoin.

Mineração de Bitcoin
Mineração de Bitcoin

Uma empresa mineradora de Bitcoin investe bilhões para ampliar sua capacidade de criar moedas, mesmo com preço em baixa no mercado.

A queda do Bitcoin nos últimos dias pode afetar duramente essas empresas, que subsidiam suas atividades com a venda no mercado com as moedas criadas no processo de mineração.

Mesmo assim, as empresas que operam nos Estados Unidos tem visto 2021 como uma oportunidade de incrementar suas posições, visto que a China baniu os mineradores do país, ou seja, impôs regras ao seu mercado e acabou com a concorrência forte que este exercia.

Mineradora de Bitcoin prepara expansão e investe R$ 5 bilhões em novas máquinas

Em um anúncio feito para a SEC na última terça-feira (28), a Marathon Digital Holdings declarou que prepara uma massiva expansão de suas operações no mercado.

Para isso, foram encomendados 78 mil mineradores Antminer S-19 XP, com os equipamentos tendo a previsão de chegar em lotes no decorrer de 2022. O preço de compra dessas máquinas chamou atenção, com um custo de US$ 879 milhões, ou de R$ 5 bilhões.

O acordo foi fechado com a Bitmain no dia 21 de dezembro, e o valor será entregue em etapas, com prazos acordados no contrato.

Nos Estados Unidos, a Marathon é uma das maiores empresas de mineração de Bitcoin listadas em bolsa, ao lado da Riot Blockchain, Bitfarms, Hut8 e Argo, empresas que viram suas ações registrarem um bom momento até o início de outubro de 2021.

Com essas empresas, o mercado norte-americano acabou se descolando da visão de censura da China, que baniu as empresas. O mais curioso do caso é que a Bitmain, que vai produzir todos estes equipamentos, é sediada em Pequim, na China, fundada pelo bilionário do Bitcoin Jihan Wu.

Marathon pode ter concorrência forte também na América Latina

Os países da América Latina também esperam captar essa demanda reprimida da China, como o Paraguai e El Salvador, que já estão criando regras ao mercado. No Brasil, este setor e possíveis chegadas de grandes empresas ainda dependerá das regras a serem criadas pelo governo, apesar de os custos de energia serem altos no país.

Dessa forma, o movimento de expansão da Marathon pode ter relação com essa oportunidade de mercado que várias regiões estão mirando, visto que o setor de mineração tende a ter lucratividade por muitos anos, uma área essencial ao funcionamento do Bitcoin.

De qualquer forma, essa mineração institucional não está imune a crítica e supervisão de governos, sendo um ponto a se manter atenção também.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias