Banco central da China vai lançar moeda digital

A moeda digital do banco central da China está "pronta" depois de 5 anos de desenvolvimento.

-

Siga no
Muralha da China e Bitcoin
Muralha da China e Bitcoin

Um funcionário do banco central da China anunciou hoje que o país em breve lançará sua moeda digital do banco central (CBDC).

Mu Changchun, vice-diretor do Banco do Povo da China (PBOC, na sigla em inglês) afirmou que um protótipo do Banco Central existe e que o Grupo de Pesquisa em Dinheiro Digital do PBOC adotou a arquitetura blockchain.

O CBDC da China não dependerá inteiramente de uma arquitetura pura em blockchain, já que isso não permitiria que a moeda atingisse o rendimento necessário para o uso no varejo.

De acordo com Changchun, a moeda está em fase de pesquisa e desenvolvimento desde 2014. Ele disse: “A moeda digital agora pode ser considerada pronta”.

O CBDC empregará uma estrutura operacional de dois níveis:

O Banco Popular da China será o nível superior, e os bancos comerciais serão o segundo nível. Este sistema duplo é adequado para as nossas condições nacionais. Ele pode usar os recursos existentes para mobilizar o entusiasmo dos bancos comerciais e melhorar a aceitação da moeda digital. 

Um sistema de dois níveis é preferível devido à economia complexa da China, vasto território e grande população. “Da perspectiva de melhorar a acessibilidade e aumentar a disposição do público em usar, uma estrutura operacional de dois níveis deve ser adotada para lidar com essa dificuldade”, disse Changchun.

Ele também saudou os talentos e capacidade de inovação de empresas comerciais que farão parceria com o PBOC para implantar a moeda digital. Finalmente, esse sistema ajudará a evitar a concentração de riscos e a desintermediação financeira.

Na mesma reunião, o presidente da China UnionPay, Shaofu Jun, disse que os objetivos do CBDC da China seriam difíceis de alcançar. Embora o CBDC possa resolver questões relacionadas a transações internacionais, longos períodos de defasagem e ineficiências herdadas, a falta de processos operacionais claros e uma estrutura regulatória detalhada entre os países será um desafio a ser superado.

Ele também aponta que a moeda digital lastreada pelo Estado deve estar de acordo com a estrutura legal atual, como leis de gestão de caixa, lavagem de dinheiro e financiamento de contraterrorismo. Qualquer transação suspeita ou transferência de baleias é obrigada a ser comunicada ao Banco Popular da China, o banco central da China.

Saiba tudo sobre:
Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Anúncio

Bitcointrade - 95% dos depósitos aprovados em até 30 minutos!

Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em 5 minutos!

Complete seu cadastro em 5 minutos!
Mateus Nunes
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Analista de Sistemas, aprendiz e entusiasta de criptomoedas e blockchain. Sugestão de pauta: [email protected]
Compra de Imóveis com criptomoedas

Venda de imóveis com criptomoedas dispara no Brasil

No Brasil, a procura por imóveis durante a crise tem aumentado de acordo com especialistas do setor e dados recentes. Na visão de um...
Hathor

Blockchain Hathor registra grande crescimento

A blockchain Hathor ainda não é listada em nenhuma exchange, sendo assim, sua cripto (HTR) não tem um valor de mercado definido. Mas como...
Ministro Bento Albuquerque, de Minas e Energia, e Presidente Jair Bolsonaro

Ministério de Minas e Energia busca profissional blockchain

Em busca de inovações, o Governo Federal do Brasil tem estado de olho nas tecnologias emergentes. Uma delas, a tecnologia blockchain, será necessária para...