Banco central da China vai lançar moeda digital

A moeda digital do banco central da China está "pronta" depois de 5 anos de desenvolvimento.

-

Siga no
Muralha da China e Bitcoin
Muralha da China e Bitcoin
Anúncio

Um funcionário do banco central da China anunciou hoje que o país em breve lançará sua moeda digital do banco central (CBDC).

Mu Changchun, vice-diretor do Banco do Povo da China (PBOC, na sigla em inglês) afirmou que um protótipo do Banco Central existe e que o Grupo de Pesquisa em Dinheiro Digital do PBOC adotou a arquitetura blockchain.

O CBDC da China não dependerá inteiramente de uma arquitetura pura em blockchain, já que isso não permitiria que a moeda atingisse o rendimento necessário para o uso no varejo.

Anúncio

De acordo com Changchun, a moeda está em fase de pesquisa e desenvolvimento desde 2014. Ele disse: “A moeda digital agora pode ser considerada pronta”.

O CBDC empregará uma estrutura operacional de dois níveis:

O Banco Popular da China será o nível superior, e os bancos comerciais serão o segundo nível. Este sistema duplo é adequado para as nossas condições nacionais. Ele pode usar os recursos existentes para mobilizar o entusiasmo dos bancos comerciais e melhorar a aceitação da moeda digital. 

Um sistema de dois níveis é preferível devido à economia complexa da China, vasto território e grande população. “Da perspectiva de melhorar a acessibilidade e aumentar a disposição do público em usar, uma estrutura operacional de dois níveis deve ser adotada para lidar com essa dificuldade”, disse Changchun.

Ele também saudou os talentos e capacidade de inovação de empresas comerciais que farão parceria com o PBOC para implantar a moeda digital. Finalmente, esse sistema ajudará a evitar a concentração de riscos e a desintermediação financeira.

Na mesma reunião, o presidente da China UnionPay, Shaofu Jun, disse que os objetivos do CBDC da China seriam difíceis de alcançar. Embora o CBDC possa resolver questões relacionadas a transações internacionais, longos períodos de defasagem e ineficiências herdadas, a falta de processos operacionais claros e uma estrutura regulatória detalhada entre os países será um desafio a ser superado.

Ele também aponta que a moeda digital lastreada pelo Estado deve estar de acordo com a estrutura legal atual, como leis de gestão de caixa, lavagem de dinheiro e financiamento de contraterrorismo. Qualquer transação suspeita ou transferência de baleias é obrigada a ser comunicada ao Banco Popular da China, o banco central da China.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Leia mais sobre:
Mateus Nunes
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Analista de Sistemas, aprendiz e entusiasta de criptomoedas e blockchain. Sugestão de pauta: [email protected]

Investidores se confundem e compram criptomoeda errada que valoriza 500.000% com confusão

Recentemente o projeto Uniswap (UNI) tem ganhado muito a atenção dos investidores, principalmente após ter sido listado na Coinbase, a maior corretora de bitcoin...

Tone Vays: “investir em DeFi é idiotice”

Em uma recente entrevista para o canal russo Forklog o famoso trader e defensor do Bitcoin Tony Vays, falou sobre como é investir no...

Coluna do TradingView: Ideias e análises para a semana

Criptomoedas mostram breve recuperação após correção da recente pernada de alta. Confira aqui o que estão pensando os analistas do TradingView. Paulo Tedesco Agora BTCUSD engrena boa tendência...

Últimas notícias

Minas Gerais lança projeto blockchain para controle de carvão

O carvão é considerado um dos principais recursos naturais para obtenção de energia no mundo. Dessa forma, um dos estados que o produz no...

Investidores se confundem e compram criptomoeda errada que valoriza 500.000% com confusão

Recentemente o projeto Uniswap (UNI) tem ganhado muito a atenção dos investidores, principalmente após ter sido listado na Coinbase, a maior corretora de bitcoin...

Grupo de hackers atacavam gamers para roubar Bitcoin

Um grupo de hackers baseado na China atacavam vários gamers em um elaborado plano. As autoridades que investigavam o grupo aponta que há anos...