MPF participa de curso sobre criptomoedas em cooperação internacional

Evento, que já teve inscrições encerradas e exclusivo para membros do Ministério Público, acontece nos próximos dias.

Siga no
Prédio da PGR representação do Ministério Público Federal do Brasil (MPF MP) Bitcoin Criptomoedas Blockchain
Foto: Antonio Augusto / Secom / PGR.

O Ministério Público Federal (MPF) vai participar nos próximos dias de um curso sobre criptomoedas. O evento será oferecido pelo Consulado dos Estados Unidos no Brasil, fazendo parte de um acordo de cooperação internacional.

Nos últimos anos, alguns crimes com criptomoedas chamaram atenção das autoridades no mundo. Dessa forma, várias investigações de autoridades foram conduzidas, inclusive no Brasil.

Com o avanço das inovações e do mercado das criptomoedas, mais investigações são realizadas. Assim, os órgãos públicos seguem buscando se capacitar para enfrentar os novos desafios da chamada economia digital.

Os mercados obscuros da internet também estariam na mira dos investigadores internacionais.

MPF participa de curso sobre criptomoedas realizado em acordo de cooperação internacional

O Ministério Público Federal é um órgão autônomo dos três poderes no Brasil, com a missão de fiscalizar eventuais problemas no poder público e privado no país. Assim, vários crimes que são cometidos passam pela avaliação do MPF, que atua com procuradores e promotores de justiça.

No campo das criptomoedas e mercados obscuros da internet, o cenário ainda seria nebuloso para muitos desses servidores. Desse modo, uma capacitação sobre os temas teve um edital lançado nos últimos dias.

O evento foi criado na iniciativa Homeland Security Investigations (HSI), o principal braço de investigação da ICE. A ICE é nos Estados Unidos o órgão responsável pela fiscalização alfândega e imigração, similar à Receita Federal no Brasil.

A apresentação será possível devido à colaboração do Consulado dos Estados Unidos no Brasil. Assim, 13 servidores públicos do MPF poderão fazer o curso sobre criptomoedas e dark web, para melhorar suas habilidades de investigação nestes ambientes.

O curso, que será totalmente em inglês e com tradução simultânea para espanhol, será exclusivo para membros do MP que atuam em investigações em criptomoedas e dark web. Este evento acontece nos próximos dias 19 e 20, em modalidade virtual.

Curso focado em Bitcoin para Ministério Público do Brasil

De acordo com o edital do evento, ao longo de dois dias, os representantes do MPF terão uma abordagem sobre conceitos das criptomoedas. O foco do curso é principalmente no Bitcoin, a principal criptomoeda do mundo hoje.

“O curso inclui, ainda, um estudo introdutório sobre criptomoedas, com foco em
Bitcoins. Apresentando, também, boas práticas, técnicas investigativas estudos de casos
sobre o tema, havendo igualmente, a oportunidade de realizarem, em tempo real,
transações com Bitcoins, construção de carteira e operarem caixas eletrônicos de
criptomoedas.”, trecho retirado de edital do evento.

Fica claro que os membros do MPF que participarão do curso terão um aprendizado imersivo no assunto, ao criar suas primeiras carteiras e transações com Bitcoin.

No Brasil, o Ministério Público Federal já investigou nos últimos anos vários crimes com criptomoedas. Um deles foi o caso Unick Forex, considerada uma das maiores pirâmides financeiras a simular o uso de Bitcoin em seus negócios, investigada pela Operação Lamanai.

Outra operação que ganhou notoriedade no país foi a Egypto, que investigou as atividades da Indeal. Neste caso, o MPF e a justiça brasileira precisou da ajuda do FBI nos Estados Unidos para recuperar uma alta quantia de Bitcoins em uma corretora daquele país.

Com o curso dos próximos dias, os investigadores brasileiros reforçam suas habilidades para combater crimes no Brasil.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Glaidson dos Santos, líder da Gas Consultoria Bitcoin em Cabo Frio

Empresa do “Faraó dos Bitcoins” nega liberação de saques na próxima semana

A GAS Consultoria Bitcoin, empresa do "Faraó dos Bitcoins", Glaidson Acácio dos Santos, nega que vá liberar os saques aos clientes nesta próxima semana. Isso...
Bitcoin em alta. Imagem: ShutterStock

Bitcoin flerta com novo recorde de preço

O Bitcoin atingiu um novo recorde de mais de 62 mil dólares na semana passada, e o sentimento de alta continua aumentando enquanto os...

A Euforia já toma conta do mercado? Sinais na rede Bitcoin dizem ainda não

pesar da Extrema Ganância indicada pelo index medo/ganância, análise em cadeia ainda mostra sinais positivos de acumulação. Historicamente nas altas de preço parabólica nos mercados...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias