NVIDIA admite que limita mineração de Ethereum em placas de vídeo

Novidade ruim também trouxe alívio com novidade boa de uma das maiores fabricantes de placas gráficas do mundo.

Siga no
Fazenda de mineração de criptomoedas Ethereum
Fazenda de mineração de criptomoedas Ethereum

Em anúncio nesta quinta-feira (18), a NVIDIA, uma das maiores fabricantes de placas de vídeo do mundo, confessou que limita a mineração de Ethereum em suas placas GeForce RTX 3060.

A novidade caiu como um balde de água fria nos planos de mineradores de criptomoedas que investiram no equipamento. Isso porque, muitos haviam comprado os equipamentos para turbinar os rendimentos obtidos.

Em busca de minerar principalmente Ethereum, muitos contam com placas de vídeo para realizar a atividade. A GeForce RTX 3060 virá equipada com um recurso que limita a mineração de criptomoedas, assim que detectada.

A medida da fabricante é para impedir que mineradores comprem o equipamento no mercado. Dessa forma, a NVIDIA espera que as modernas placas cheguem apenas aos gamers, clientes de longa data da empresa.

No entanto, nem tudo está perdido para os mineradores ainda.

NVIDIA confessou em comunicado que limita a mineração de criptomoedas em suas placas que chegarão na próxima semana

A NVIDIA afirmou hoje que seus equipamentos foram feitos para jogadores, esses que são clientes fiéis da empresa. Desse modo, a empresa afirma que espera ver seus equipamentos nas mãos dos jogadores.

No próximo dia 25 de fevereiro, chega ao mercado as tão aguardadas GeForce RTX 3060. Contudo, a notícia não é nada boa para quem aguardava o equipamento para a mineração de criptomoedas.

“Com o lançamento da GeForce RTX 3060 em 25 de fevereiro, estamos dando um passo importante para ajudar a garantir que as GPUs GeForce acabem nas mãos dos jogadores.”, afirmou a NVIDIA.

De acordo com a fabricante, caso a mineração de criptomoedas seja detectada, o hash será diminuído pela metade. Ou seja, os mineradores poderão ter prejuízos com o equipamento, que foi feito especificamente para gamers.

A empresa alega que os equipamentos não têm chegado aos seus clientes principais, e a medida serve para conter a demanda de mineradores. Assim, quando a placa gráfica identificar que o usuário está minerando Ethereum, por exemplo, diminuirá seu poder de processamento.

“Os drivers do software RTX 3060 são projetados para detectar atributos específicos do algoritmo de mineração de criptomoeda Ethereum e limitar a taxa de hash, ou eficiência de mineração de criptomoeda, em cerca de 50 por cento.”, declarou a NVIDIA, que demonstra foco em gamers.

Notícia boa: Placa de mineração profissional será lançada

Apesar de frustar os mineradores, a NVIDIA ainda afirmou que vai lançar uma linha de mineração exclusiva para a atividade. Chamada de NVIDIA CMP, os novos equipamentos serão destinados apenas a mineradores de Ethereum.

“Para atender às necessidades específicas da mineração Ethereum, estamos anunciando a linha de produtos NVIDIA CMP , ou Cryptocurrency Mining Processor, para mineração profissional.”, anunciou fabricante de placas gráficas.

Assim, a NVIDIA espera que a concorrência de mineradores e gamers acabe, com cada cliente satisfeito em suas próprias necessidades. As placas NVIDIA CMP também foram planejadas para melhorar o resfriamento e eficiência energética para os mineradores, segundo comunicado da empresa.

“A criação de produtos sob medida para clientes com necessidades específicas oferece o melhor valor para os clientes. Com o CMP, podemos ajudar os mineradores a construir os data centers mais eficientes, preservando as GPUs GeForce RTX para os jogadores.”, finalizou a nota da NVIDIA.

Com quatro modelos de placas gráficas específicas para mineradores, a NVIDIA planeja o lançamento das duas primeiras versões ainda no primeiro trimestre de 2021. Os outros dois modelos, mais robustos, chegarão no segundo trimestre do mesmo ano.

Não foram divulgadas imagens dos equipamentos específicos para mineradores ainda. Mesmo assim, os mineradores podem esperar equipamentos que tragam potência entre 26 MH/s e 86 MH/s, específicos para Ethereum.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Cardano. Imagem: Abode Stock

Cardano dispara e bate recorde de preço enquanto Bitcoin cai

A criptomoeda Cardano (ADA) disparou neste sábado e bateu um novo recorde de preço, enquanto isso, o Bitcoin e a maioria das principais criptomoedas...
Elon Musk interpretando Wario. Imagem: Divulgação SNL.

Cocriador da Dogecoin chama Elon Musk de “vigarista egoísta”

Pouco tempo depois de Elon Musk afirmar que estava trabalhando com desenvolvedores da Dogecoin, o cocriador da criptomoeda meme, Jackson Palmer, apareceu no Twitter...
Criptomoeda Ethereum em destaque com outras criptomoedas ao seu redor rivais

Elon Musk vai comprar Ethereum?

“Eu acredito fortemente nas criptomoedas, mas elas não podem levar a um aumento massivo no uso de combustível fóssil, especialmente carvão”, disse Elon Musk,...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias