O que é o Bitcoin?

Siga no

Se você não está preso em uma ilha deserta, com certeza já ouviu falar em Bitcoin, uma moeda que funciona de um jeito diferente e que tem deixado muita gente confusa. Como uma moeda pode ser virtual, desregulamentada e segura ao mesmo tempo? Como a moeda pode ser usada para comprar coisas reais? E, afinal, o que é a Bitcoin?

O Bitcoin ficou muito famoso em 2017, quando uma única unidade chegou à cotação de US$ 18 mil e deixou muitas pessoas e empresas ricas, motivando uma verdadeira “corrida do ouro digital”, que fez subir drasticamente o interesse nessa nova forma de realizar transações.

Então, se você quer saber como funciona e como usar o Bitcoin, mas não deseja se afogar em detalhes técnicos, este é o artigo para você. Boa leitura!

O que é o Bitcoin?

Colocando de forma simples, Bitcoin é uma moeda virtual criada em 2009 por uma figura misteriosa que usa o codinome Satoshi Nakamoto, e que pode ser usada para comprar e vender coisas e serviços, da mesma forma que as moedas tradicionais, como o real e o dólar.

O Bitcoin não é administrado por um Banco Central, como acontece com o real, nem está sujeito a nenhum tipo de regulamentação governamental.

A criação de um novo Bitcoin é descentralizada, realizada através de um processo conhecido como “mineração”, que qualquer pessoa ou empresa pode fazer livremente. Minerar Bitcoin significa fazer um computador processar equações matemáticas complexas e, se o computador conseguir resolver o problema, o minerador ganha uma fração de Bitcoin.

A segurança das operações de mineração e das transações envolvendo Bitcoins é garantida por um registro público conhecido como blockchain, uma tecnologia que compartilha as informações entre todos os usuários e protege as operações utilizando criptografia.

Como usar Bitcoin?

Depois de instalar um pequeno software em um computador ou smartphone conhecido como carteira de Bitcoin, o usuário que precisar adquirir Bitcoin pode fazer isso de várias formas.

O primeiro jeito de obter Bitcoin é a mineração, mas esse é um processo que tende a ficar cada vez mais caro e complexo com o passar do tempo. Outra opção é comprar Bitcoin ou frações de Bitcoin de casas de câmbio ou de outros usuários usando o dinheiro tradicional, como reais, dólares e euros.

Além disso, você pode trocar produtos e serviços por Bitcoin, como diversas empresas já fazem a gigante da informática Microsoft, a empresa de viagens Expedia e a Tesla Motors, de Ellon Musk;

A partir daí, o usuário pode utilizar a sua carteira de Bitcoin para adquirir outros produtos e serviços ou realizar investimentos com a moeda virtual.

Viu só como entender e usar Bitcoin não é um bicho de sete cabeças? Se você quiser saber mais sobre como investir em Bitcoin e aprender tudo sobre blockchain e criptoeconomia, siga a nossa página e fique por dentro!

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Fundador Mercado Livre

Fundador do Mercado Livre investe em corretora de criptomoedas

O fundador e CEO do Mercado Livre, Marcos Galperin, participou de uma rodada Série B de investimentos na fintech Ripio, que captou cerca de...

Meu pai viúvo de 68 anos está enviando bitcoins para uma mulher que conheceu...

As interações em redes sociais sempre devem ser realizadas com atenção, principalmente com desconhecidos. Um tipo de golpe bem comum são os emocionais, em...
Nicholas Nassim Taleb

Nassim Taleb sobre queda do Bitcoin: “Não é proteção contra nada”

Nassim Nicholas Taleb é um famoso economista e autor de livros como A Lógica do Cisne Negro, Antifrágil e Arriscando a Própria Pele. Taleb,...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias