Titã da renda fixa começa a investir em criptomoedas

Sendo assim, a negociação do primeiro ETF de Bitcoin pode ser responsável pela entrada de vários gigantes da indústria no Bitcoin.

A PIMCO, empresa que gerencia mais de 2 trilhões de dólares em ativos afirmou através de seu diretor de investimentos, Daniel Ivascyn, que está pronta para entrar de vez no Bitcoin.

A entrevista com Ivascyn foi divulgada pelo Delivering Alpha, programa financeiro da CNBC que aborda outros temas além do Bitcoin, como inflação, China e o setor imobiliário.

A empresa afirma que não apenas investiu muito tempo pesquisando sobre novos produtos digitais, como o Bitcoin, como também está pronta para investir ainda mais tempo nos próximos meses para tentar acompanhar esta tecnologia de rápido crescimento.

Oportunidade de mercado

Ivascyn afirmou que o Bitcoin tem um futuro promissor e servir, de forma teórica, como um hedge à inflação. E embora ainda seja cedo, ele diz acreditar que tanto o Bitcoin quanto outras criptomoedas vieram para ficar, embora note que ainda é preciso ficar atento a medidas regulatórias, como aconteceu na China.

O direto de investimentos da PIMCO também afirmou que alguns portfólios da empresa já estão negociando securities ligadas a criptomoedas e o seu plano é entrar ainda mais fundo neste mercado, aproveitando as suas oportunidades.

“Nós estamos negociando de uma perspectiva de valor relativo. Portanto, não estamos assumindo exposição direcional, mas estamos procurando tirar proveito dos preços errados entre o produto à vista, trusts negociados na bolsa e futuros. Este foi um ponto de partida para nós em um segmento muito restrito de nosso negócio.”, disse Daniel Ivascyn

Sendo assim, a negociação do primeiro ETF de Bitcoin pode ser responsável pela entrada de vários gigantes da indústria no Bitcoin. Isso se deve tanto a possibilidade de operar futuros de bitcoin na bolsa, como também serve para ajudar a legitimidade da criptomoeda, fornecendo uma maior segurança a investidores.

Ivascyn afirma que eles estão aumento a sua exposição as criptomoedas, em um processo gradual, usando muito tempo para pensar em como fazer isso com cautela enquanto falam com investidores, dando pequenos passos por vez.

Finanças descentralizadas

Sobre a evolução da tecnologia, Ivascyn afirmou que é preciso estar preparado antes que ela aconteça. Segundo ele, isso se deve ao fato das novas gerações estarem com uma mentalidade mais preparada para o Bitcoin, e a empresa respeita isso, tendo usado muito de seu tempo para estudar este mercado.

Ivascyn afirma que é preciso entender esta tecnologia de finanças descentralizadas, pois ela é inovadora e destruirá o próprio setor que a empresa atua, precisando que ela se atualize, procurando maneiras de usá-la internamente.

“Eu sei que [a tecnologia blockchain] é real, ela está na nossa frente, bancos estão considerando emitir moedas usando essa tecnologia”

Por fim, o diretor de investimentos da PIMCO também afirmou que eles estarão contratando mais pessoas com experiência neste novo setor que não para de crescer, considerando usar muito mais tempo em estudos nos próximos meses.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias