Pirâmides financeiras crescem em meio à pandemia no Brasil

Dois motivos principais ajudaram o crescimento da prática de golpes financeiros no país.

Siga no
Pirâmide
Pirâmide

Um estudo promovido pelo Conselho Nacional de Defesa do Consumidor (CNDC), apontou que as pirâmides financeiras estão crescendo em meio à pandemia. No Brasil, os juros baixos também favoreceram a proliferação de golpes contra a economia popular.

Não é de hoje que esses golpes acontecem no Brasil. No caso da BBOM, por exemplo, a empresa lesou milhares de pessoas em 2013.

Já em 2014, as operações da Telexfree foram encerradas no país, também deixando clientes desesperados. Nos últimos anos, alguns negócios fraudulentos usaram a imagem até do Bitcoin para criar golpes.

O comum entre todos é a oferta de rendimentos garantidos, além do uso do marketing multinível.

Pirâmides financeiras se aproveitam da pandemia e juros baixos para aumentar operações no Brasil

O Brasil atravessa um momento complicado, na saúde e economia. Com 218.878 mortos pela COVID-19 hoje, o país atravessa um grave momento sanitário, o maior de sua história.

No entanto, a economia também foi afetada pela crise na saúde, aumentando o desemprego no país. Com todos esses problemas, o brasileiro começou a procurar alternativas criar uma renda.

Aproveitando o momento de instabilidade, líderes de pirâmides financeiras se aproveitaram do momento. A informação foi compartilhada pelo Conselho Nacional de Defesa do Consumidor (CNDC).

De acordo com o Valor Econômico, o CNDC acredita que a pandemia aliado aos juros baixos na economia, ajudaram no crescimento das pirâmides. Cabe o destaque que, com os juros baixos, a renda fixa no Brasil perdeu rentabilidade, levando muitos investidores a procurar novos ativos para aportar seus recursos.

O relatório do grupo, aprovado pelo Ministério da Justiça, foi liberado na última semana. Desse modo, o governo pretende criar  ferramentas para combater os golpes contra a economia popular.

Canal exclusivo para denúncias contra pirâmides poderá ser criado

A força-tarefa foi criada após o número de denúncias de pirâmides financeiras explodir no Brasil. Desse modo, o governo pretende criar pelo menos três ferramentas para o combate a prática.

Um deles seria um canal exclusivo para denúncias contra esquemas de pirâmides. Outra ferramenta seria a ampliação da comunicação entre órgãos do setor público, principalmente entre o mercado financeiro e órgãos de defesa do consumidor.

Por fim, a intenção do grupo é ampliar os ensinos sobre finanças, para que os brasileiros aprendam a investir com mais segurança.

O grupo acredita que as pirâmides hoje têm um funcionamento rápido no mercado. Ou seja, quando chegam informações aos órgãos de defesa do consumidor, os negócios fraudulentos muitas vezes já finalizaram o golpe.

No Brasil, tramita um projeto de lei para colocar os crimes de pirâmide financeira na legislação. O novo relatório, aprovado pelo Ministério da Justiça, também será enviado ao Banco Central do Brasil para vistas do órgão.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Leão. Imagem: Shutter Stock

Receita Federal dos EUA já apreendeu R$ 6,21 bilhões em criptomoedas em 2021

Assim como acontece aqui no Brasil, órgãos governamentais realizam leilões de objetos e bens apreendidos de irregularidades fiscais, processos de falência e muitos outros....
Moedas Monero movidas

Após prisão de desenvolvedor da Monero, milhares de moedas são movidas

Após a prisão do desenvolvedor da criptomoeda Monero, Riccardo Spagni (Fluffy Pony), os administradores do Fundo Geral da moeda moveram milhares de XMR para...
Jair Bolsonaro

Bolsonaro diz que 99% das pessoas não sabem o que é o Bitcoin

Jair Bolsonaro (Sem Partido) participou de uma entrevista com a Rádio 96 FM, do Rio Grande do Norte, onde falou que 99% dos brasileiros...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias