População da Venezuela larga Petro e vê Dólar ocupar espaços

Siga no

A situação da economia venezuelana não está fácil nos últimos anos, principalmente com a alta inflação. Por lá, a população da Venezuela tem abandonado a criptomoeda do governo, a Petro, passando a aceitar o Dólar em seu lugar.

Dessa forma, a dolarização da economia do país tem sido vista e sentida em todos os lugares. Até em transportes como, por exemplo, moto táxi, o Dólar tem sido aceito como meio de pagamento.

Isso é fruto de políticas governamentais que não deram resultados, somado a alta inflação vivida no país. Um bolívar soberano tem tido cada vez mais desvalorização, principalmente em relação ao próprio Dólar (USD). O analista Rhythm lembrou que em 2017 um copo de café custava 0,2 Bolívares, contudo, em 2019 passou a custar 30 mil VEF.

Dólar tem sido mais utilizado que a Petro, moeda que foi criada pelo governo da Venezuela

De acordo com reportagem de Michele de Mello, a moeda dos EUA tem sido bastante utilizada na Venezuela. Isso porque, no comércio e até no transporte, o Dólar tem sido cada vez mais visto como meio de pagamento, por mais irônico que isso possa parecer.

De fato, ainda que os governos dos EUA não tenha uma boa relação diplomática com o da Venezuela, a população deste último entende que o Dólar é uma moeda mais segura que o bolívar soberano, ou até a Petro. Esta última, que é a criptomoeda criada pelo governo para controlar a população, também não emplacou.

Em tempos de hiperinflação fica claro que a procura por dinheiro de confiança é essencial para sobreviver. A população da Venezuela, inclusive, é uma das que mais se atentou para as criptomoedas até hoje. Até por isso, além de criar a Petro, o governo venezuelano aceita o pagamento de impostos em qualquer criptomoeda, até mesmo em Bitcoin (BTC).

Segundo informações de Michele, no comércio o Dólar tem sido a moeda preferida desde 2018. Para um vendedor de 22 anos, o Bolívar é uma moeda que só perde valor.

Desde outubro do ano passado já anunciamos em dólar, porque a Venezuela está dolarizada, o Bolívar já não serve. Com o dólar você ainda guarda algo, com o Bolívar, se você guarda, desvaloriza cada dia mais

Por lá, a Petro tem sido incentivada pelo governo de Nicolás Maduro, mesmo com ressalvas da população. No fim de 2019, até um bônus em Petro foi oferecido para aposentados, e trabalhadores receberam o décimo terceiro nessa moeda.

Dólar é uma moeda de difícil adoção no país por conta dos salários dos trabalhadores

O problema da dolarização, entretanto, está na conversibilidade entre as moedas. A população da Venezuela recebe seus salários em Petro ou Bolívar, logo teriam que comprar Dólar para pode gastar nessa moeda.

Essa conversão, segundo apurou Michele, é complicada para a população. Mesmo assim, há em circulação por toda a Venezuela três vezes mais dólares do que bolívares. O Real Brasileiro também tem sido bastante utilizado pela população mais ao sul do país. As principais portas de entrada de moedas estrangeiras têm sido via remessa bancária ou por atividades turísticas.

Por lá, já há o risco do desaparecimento do Bolívar, que se torna cada vez mais escasso na medida em que perde valor. Os efeitos da dolarização na economia venezuelana já fazem a população ficar de olho na cotação da moeda diariamente. Caso o Dólar valorize, os produtos e serviços são reajustados para evitar perdas.

A economia deste país é altamente dependente do petróleo, que não é mais o foco dos países investir no local. Na América Latina, por exemplo, o país mais atraente para investimentos no setor de petróleo e gás é o Brasil, seguido pela Colômbia, Argentina e México. Fica claro que a Venezuela perdeu sua vantagem estratégica no seu principal ativo, o que acirra a crise de sua moeda nacional.

A dolarização não é maior porque os salários ainda são pagos em bolívar, ou seja, há ainda a necessidade da moeda local. Mesmo assim, outras moedas ganham espaço na Venezuela, sendo atualmente um local estratégico para adoção das criptomoedas.

Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
ichael Saylor, Paul Tudor Jones II, Stanley Druckenmiller

Institucionais no Bitcoin, quem são? Por que compraram?

Nos últimos meses, pipocou na mídia o nome de diversos gestores e firmas de investimento institucionais que embarcaram no Bitcoin. Mas afinal, quem são...

Em Portugal, caso Telexfree termina sem culpados: “vítimas sabiam que era esquema”

A Telexfree foi uma das maiores pirâmides do Brasil, causando um prejuízo estimado na casa dos bilhões em cerca de 2 milhões de clientes....
André R Jakurski. Imagem: Youtube

“Bitcoin não tem valor intrínseco”, diz André Jakurski, co-fundador do Pactual

André Jakurski, um dos fundadores do Banco BTG Pactual participou de uma live no Youtube na última quarta-feira (13) e ao ser questionado sobre...

Cotações por TradingView

Últimas notícias

Em Portugal, caso Telexfree termina sem culpados: “vítimas sabiam que era esquema”

A Telexfree foi uma das maiores pirâmides do Brasil, causando um prejuízo estimado na casa dos bilhões em cerca de 2 milhões de clientes....

“Bitcoin não tem valor intrínseco”, diz André Jakurski, co-fundador do Pactual

André Jakurski, um dos fundadores do Banco BTG Pactual participou de uma live no Youtube na última quarta-feira (13) e ao ser questionado sobre...

Youtuber de Free Fire chora após ter canal hackeado: “Era tudo que eu tinha”

Os hackers que roubam canais do YouTube para aplicar golpes de criptomoeda acabaram de fazer mais uma vítima. Dessa vez foi o famoso streamer...

Elon Musk concorda que Bitcoin é boa reserva de valor

O Bitcoin segue sendo reconhecido cada vez mais por autoridades do mundo como uma tecnologia de confiança. Nesta sexta-feira (15), Elon Musk concordou que...

Falha em GPUs da Nvidia afeta mineradores de criptomoedas

A famosa fabricante de placas gráficas, Nvidia, alertou para uma grave falha no software dos equipamentos. Desse modo, todas as pessoas que usam as...