“Preço do Bitcoin está errado”, diz bilionário Paul Tudor Jones

Em entrevista ao Yahoo Finance, magnata dos investimentos acredita que moeda tem potencial para ir muito além.

Siga no
Preço do Bitcoin gráfico moedas
Bitcoin é um novo conceito de moeda digital

Um bilionário que desde 2020 se assumiu investidor do Bitcoin acredita que o preço da moeda digital está errado nos mercados. A fala foi durante uma entrevista ao Yahoo Finance na última quinta-feira (3).

Famoso gerente de fundos de hedge, Paul Tudor Jones foi uma das melhores notícias para o Bitcoin em 2020. Isso porque, ao comprar o ativo digital e anunciar publicamente sua atitude, muitos seguiram seus passos.

O magnata é o 108º homem mais rico do mundo, de acordo com a Forbes. Ou seja, seu perfil como investidor é destaque, com uma fortuna avaliada em quase U$ 6 bilhões hoje.

Ele ainda afirmou em sua entrevista que os caminhos do Bitcoin serão ao norte do que tem sido visto.

“Presumo que o preço de mercado do Bitcoin está errado”, afirma bilionário que acredita em alta

O Bitcoin começou esta sexta-feira (4) com queda em seu preço. Com uma perda de quase 2% nas últimas 24 horas, a moeda digital é negociada na faixa de U$ 18900, ou R$ 98 mil.

Para quem comprou no início de 2020, o baile de valorização segue firme ainda. Ou seja, apesar das correções de curto prazo, no médio e longo prazo o cenário continua favorável ao Bitcoin.

E essa crença é compartilhada por ninguém menos que Paul Tudor Jones II, magnata dos investimentos. Em entrevista ao Yahoo Finance, Tudor Jones afirmou até que o preço do Bitcoin no nível atual está errado.

Para ele, o preço da moeda tem potencial de chegar muito mais longe do que tem sido praticado pelo mercado. Os preços do Bitcoin, vale o destaque, são definidos pela lei de oferta e da procura.

“Vou presumir que é o preço errado para as possibilidades que tem. E vou presumir que o caminho a seguir a partir daqui é o norte.”, afirmou o bilionário para o Yahoo Finance.

Como avaliar se o preço está errado ou certo?

De acordo com Tudor Jones, o Bitcoin lembra ações de empresas de tecnologia na década de 90. Naquela época, ninguém dava atenção para as ações que acabaram se provando com o tempo.

Em sua avaliação, o potencial do Bitcoin é grande, mas não há como prever o futuro para 10 ou 20 anos. No entanto, com a visão do Bitcoin, o caminho é certamente para o norte.

Para Jones, o preço está errado e as pessoas irão usar criptomoedas no futuro. Moedas como Ethereum, entre outras, também poderão fazer parte desse futuro. Mesmo assim, ele não disse quais além do Bitcoin chegarão ao uso em massa, afirmando que não dá suporte a altcoins hoje.

Confira na íntegra a fala de Jones ao Yahoo Finance abaixo:

Leia também: “Meu maior erro foi vender Bitcoin”, diz o Primo Rico, Thiago Nigro

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
CVM versus Coinbene corretora no Brasil

Corretora de criptomoedas anuncia fim de atividades no Brasil

A corretora global de criptomoedas Coinbene anunciou nesta segunda-feira (18) o fim de suas atividades no Brasil, devido a razões políticas "conhecidas". Está é segunda...
Martelo da Justiça e Bitcoin em destaque

Safra pede bloqueio de criptos em corretoras para cobrar dívida de posto de gasolina

O Banco Safra poderá pedir o bloqueio de criptomoedas em corretoras em um caso que envolve uma rede de postos em São Paulo que...

Primeiro ETF de Bitcoin nos EUA estreia nesta terça-feira

Embora muitos apontassem que o ETF da Valkyrie seria o primeiro a ser aprovado, a ProShares saiu na frente desta largada. Segundo a empresa,...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias